Avião ucraniano foi derrubado por iranianos acidentalmente, diz mídia

Boeing 737 transportava 176 pessoas

O Boeing 737 da Ukraine International Airlines, que caiu seis minutos após decolar do Aeroporto Internacional de Teerã e deixou 176 mortos, pode ter sido derrubado por acidente. Autoridades do Irã negaram a possibilidade, que classificaram como “rumores ilógicos”.

De acordo com a revista norte-americana Newsweek, um oficial do Pentágono, um oficial sênior de inteligência dos Estados Unidos e outro oficial de inteligência do Iraque disseram que o avião caiu após ser atingido pelo sistema de mísseis antiaéreos do Irã.

O voo PS752 da Ukraine International Airlines decolou às 6h10 de quarta-feira (23h40 de terça-feira no horário de Brasília) do aeroporto Imã Khomeini, em Teerã, com destino ao aeroporto Boryspyl de Kiev. O Boeing 737 transportava 176 pessoas: 82 iranianos, 63 canadenses, dez suecos, quatro afegãos e três britânicos. Outros 11 eram ucranianos, incluindo os nove tripulantes. Ao menos trinta vítimas eram da região de Edmonton, Canadá, que acolhe uma importante diáspora iraniana.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

cinco − três =