Category Archives: Sem categoria

EXCLUSIVO: EXPEDITO FERREIRA DE SOUZA

DESEMBARGADOR FALA SOBRE POLÊMICAS EM TORNO DE PROPOSTAS DE EMPRÉSTIMOS DO JUDICIÁRIO AO EXECUTIVO DO RN

A imagem pode conter: 1 pessoa, em pé

Expedito Ferreira de Souza concede entrevista exclusiva ao blog – Foto e vídeo: iPad Skarlack

O desembargador Expedito Ferreira de Souza, assume nesta quinta-feira, 5, a presidência do Tribunal de Justiça do Estado do Rio Grande o Norte, em solenidade marcada para às 20h.

Em entrevista exclusiva ao blog, ele fala sobre questões como propostas de empréstimos do Poder Judiciário para o Governo do Estado:

Email this to someoneShare on FacebookTweet about this on TwitterPin on PinterestShare on Google+

Izabel amplia estrago no extinto G13

Nova self revela ampliação do favoritismo da bancada rosalbista

self-ii

Nova self enviada direto de Tibau, revela a ampliação e consolidação da candidatura da vereadora, Izabel Montenegro, na disputa da presidência da Câmara Municipal de Mossoró.

No início da noite, Izabel Montenegro apareceu entre os vereadores João Gentil, Manoel Bezerra de Maria, Zé Peixeiro, Emídio Ferreira e Didi de Arnoud, que chegaram a integrar o G13 e mais o vereador Ricardo de Dodoca.

Dessa forma, Izabel revela que está com sua candidatura consolidada.

Todavia, o estrago no extingo G13 deve ser ampliado até o horário da eleição.

Email this to someoneShare on FacebookTweet about this on TwitterPin on PinterestShare on Google+

Campanha para arrecadar dinheiro para defesa midiática de Lula não atinge meta

Campanha de arrecadação pró-Lula atinge metade da meta

lula-preso

Uma campanha de financiamento coletivo lançada com o objetivo de ajudar o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva atingiu pouco mais da metade da meta. Foram arrecadados por meio do site Catarse R$ 270 mil dos R$ 500 mil pretendidos.

A verba será destinada às atividades da mobilização “Por um Brasil justo para todos e para Lula”, que se dedica à defesa midiática do ex-presidente, durante o primeiro semestre de 2017.

A página no Catarse cita como um dos objetivos o rompimento do “cerco jurídico-midiático, fortalecendo o papel da blogosfera”.

“Nós sabemos que a perseguição a Lula e aos militantes sociais é no fundo uma perseguição ao nosso projeto, é uma perseguição aos pobres”, disse Gilberto Carvalho, ex-ministro de Lula, no vídeo da campanha.

O líder do MTST, Guilherme Boulos, o coordenador do MST, João Pedro Stédile, o escritor Fernando Morais e a ex-ministra Eleonora Menicucci, além de atores e artistas, integram o movimento.

No primeiro ato realizado pelo grupo, Lula se disse alvo de um “pacto diabólico” orquestrado pelos responsáveis pela Lava Jato. Ele responde a cinco ações penais no âmbito da operação.

De acordo com o Catarse, 20% da verba arrecadada irá para a realização de eventos, 40% para comunicação, 5% para produção e distribuição de materiais e 5% para ações internacionais. A página detalha ainda que 10% irá para “administração” e que os custos do financiamento correspondem a 20%.

A arrecadação foi feita entre os dias 7 e 24 de dezembro e contou com a contribuição de 2.381 pessoas, sendo que a maioria, 596, eram de São Paulo. Os outros Estados que mais doaram foram Rio de Janeiro, com 301 contribuintes, e Distrito Federal, com 256. Não foram feitas contribuições de empresas ou doações anônimas.

Email this to someoneShare on FacebookTweet about this on TwitterPin on PinterestShare on Google+

ESPAÇO DO GIVVA

PEDRO CORDEIRO ACERTOU

POR GIVANILDO SILVA

giva-grande

Voltando à polêmica decisão do doutor Pedro Cordeiro, de desbloqueio de contas bancárias da Prefeitura, com todo respeito aos servidores insatisfeitos e com razão indiscutível, a máquina pública é complexa, não sendo o atraso de salário a única parte sensível.

E a saúde que, entrando em colapso, pode ceifar muitas vidas, num só dia? Exemplo típico.

O magistrado se valeu da economia judicante, a velha e recomendável dosimetria; parcimônia e serenidade de quem conta apenas um naco de pão para alimentar dez filhos.

Email this to someoneShare on FacebookTweet about this on TwitterPin on PinterestShare on Google+

ELEIÇÃO NA CÂMARA: CARLOS AUGUSTO ROSADO NÃO VAI SE ENTROMETER NA SUCESSÃO DA PRESIDÊNCIA

MAS, O LÍDER DO ROSALBISMO NÃO SE SENTE IMPEDIDO DE FAZER TRATATIVAS JUNTO AOS PARLAMENTARES PARA FORMAR BASE DO FUTURO GOVERNO

POR GIVANILDO SILVA

carlos-augusto-rosado

Carlos Augusto Rosado tratará da base de apoio ao governo Rosalba no momento oportuno – Foto: iPad Skarlack

O deputado Carlos Augusto Rosado, líder político, por excelência; profundo conhecedor da economia doméstica legislativa, disse a interlocutor privilegiado que não pretende se intrometer na sucessão presidencial da Câmara Municipal de Mossoró, entendendo tratar-se de assunto interna corporis.

No entanto, não se sente impedido de fazer tratativas junto aos parlamentares com o propósito de construir segura maioria à base de apoio do futuro governo da doutora Rosalba Ciarlini, que instalar-se-á no primeiro de janeiro vindouro.

Email this to someoneShare on FacebookTweet about this on TwitterPin on PinterestShare on Google+

Frente em defesa da Uern traça calendário de atividades

Vereador Francisco Carlos comanda atividades

frente-parlamentar-e-popular-em-defesa-da-uern-traca-calendario-de-atividades

A Frente Parlamentar e Popular em defesa da Uern definiu, em reunião na Câmara Municipal, na manhã desta sexta-feira, 16, as primeiras atividades do grupo, nos meses de janeiro e fevereiro. Além de encontro com a Reitoria, será enviado ofício, ao Departamento de Economia da instituição, solicitando estudo sobre as condições financeiras da instituição.

O relatório também apontará reflexos econômicos e sociais da instituição ao Estado, além do impacto que pode ser causado a partir de janeiro, com a aprovação da Proposta de Emenda à Constituição 55 (Pec dos Gastos Públicos).

“A reunião serviu para traçarmos metas e trabalharmos em favor do desenvolvimento da Uern. A ideia é ampliar a participação, estendendo o alcance aos representantes políticos na esfera federal como deputados e senadores potiguares, igrejas e sociedade em geral”, destacou o vereador Professor Francisco Carlos propositor da Frente.

Calendário

O estudo embasará outras duas reuniões, nos dia 16 e 23 de fevereiro, quando será discutido o orçamento e apresentadas e debatidas alternativas, que possam minimizar problemas financeiros enfrentados pela Uern, como a autonomia financeira, por exemplo.

“Precisamos agir com urgência. A Frente foi criada com esse propósito, para que, nesse momento de crise, sejam adotadas medidas para reduzir os problemas e manter a Uern oferecendo educação pública, gratuita e de qualidade”, enfatizou Lemuel Rodrigues, presidente da Associação dos Docentes da Uern (Aduern).

Para ampliar e fortalecer o debate em torno da defesa da Uern, a Frente Parlamentar e Popular também realizará encontros em outros municípios onde funcionam campis da instituição.

Além do professor Francisco Carlos e Lemuel Rodrigues, participaram da reunião a vereadora Izabel Montenegro (PMDB), pró-reitora adjunta de Pesquisa e Pós-Graduação da Uern, Ivonete Soares, o técnico administrativo, Erisson Natércio, entre outros representantes.

Email this to someoneShare on FacebookTweet about this on TwitterPin on PinterestShare on Google+

ESPAÇO DO GIVVA

É PRECISO LEI TRATANDO SOBRE ABUSO DE AUTORIDADE

givanildo-silva-opina

Jornalista, radialista e advogado

Lei tratando sobre abuso de autoridade é preciso. Urge, evidentemente. Antes que a cidadania pare de respirar.

Porque, simplesmente, o poder foi feito para abusar. Defeito de origem a se perpetuar. Corre na veia, acha-se no DNA.

Está disposto na rua, na chuva, na praia, na fazenda. Está em qualquer lugar. Desde a carteirada do insolente policial mamado ao procurador-geral de teto prateado, que ofertou denúncia, sem, ao menos, terminar de investigar.

No entanto, todavia, não é de afogadilho que matéria pertinente à espécie, responsavelmente, se produzirá.

Muito menos, com espírito de vendeta, depois da chapa esquentar.

Email this to someoneShare on FacebookTweet about this on TwitterPin on PinterestShare on Google+

Justiça bloqueia contas bancárias da Prefeitura de Mossoró

Juiz Pedro Cordeiro determina que secretário de Administração apresente folhas em atraso sob pena de afastamento do cargo

contas-bloqueadas

Agrava-se o quadro que já é de caos na Prefeitura Municipal de Mossoró.

A Justiça determinou o bloqueio das contas da municipalidade.

Atende ação impetrada pelo Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Mossoró (SINDISERPUM).

Ao deferir o pedido de liminar pleiteada pelo sindicato, o juiz Pedro Cordeiro determina que a Prefeitura Municipal de Mossoró pague os salários dos servidores até o quinto dia útil subsequente ao mês trabalhado.

Pedro Cordeiro também decide que o secretário municipal de Administração e Finanças, Marcos Fernandes, apresente, no prazo de 24 horas, todos os detalhes dos pagamentos em atraso, sob pena de ser afastado do cargo.

A decisão será avaliada pelos servidores municipais de Mossoró, em assembleia geral extraordinária marcada para o Palácio da Resistência, onde a direção do SINDISERPUM faz ocupação deste a semana passada.

 

Email this to someoneShare on FacebookTweet about this on TwitterPin on PinterestShare on Google+

Lula é denunciado pelos crimes de tráfico de influência, lavagem de dinheiro e organização criminosa

Enquanto não preso o líder do PT continua atacando autoridades da Justiça, do Ministério Público e da PF

lula-de-novo

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e outras três pessoas, entre elas o filho de Lula, Luis Cláudio, foram denunciados pelo MPF (Ministério Público Federal) em Brasília pelos crimes de tráfico de influência, lavagem de dinheiro e organização criminosa.

O Ministério Público acusa Lula de ter supostamente negociado sua influência sobre contratações do governo federal. A denúncia acusa Luis Cláudio de ter recebido ao menos R$ 2,5 milhões de empresários ligados ao suposto esquema.

A denúncia aponta a atuação de Lula para interferir na compra de 36 caças do modelo Gripen pelo governo brasileiro e na prorrogação de incentivos fiscais destinados a montadoras de veículos por meio da Medida Provisória 627. Os casos ocorreram entre 2013 e 2015, quando Lula já não era presidente.

Segundo o MPF, na condição de ex-presidente, Lula integrou um esquema que vendia a promessa de que ele poderia interferir junto ao governo para beneficiar as empresas MMC, grupo Caoa e SAAB.

Essas empresas eram clientes Marcondes e Mautoni Empreendimentos e Diplomacia LTDA (M&M), escritório de lobby do casal Mauro Marcondes e Cristina Mautoni, também denunciados.

Em troca, segundo o MPF, Mauro e Cristina, donos da M&M, repassaram a Luiz Cláudio pouco mais de R$ 2,5 milhões.

Logo após a divulgação do recebimento da denúncia pela Justiça Federal do Distrito Federal, o UOL entrou em contato com a assessoria de imprensa do Instituto Lula, que ainda não retornou o contato.

Réu na Lava Jato

Em outubro, o juiz da 10º Vara Federal de Brasília, Vallisney Souza Oliveira, aceitou denúncia contra o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, o empreiteiro Marcelo Odebrecht e outras nove pessoas. Os envolvidos são acusados dos crimes de corrupção ativa e passiva, lavagem de dinheiro, tráfico de influência e organização criminosa.

Foi a terceira vez que o ex-presidente torna-se réu em processos ligados à Operação Lava Jato. A investigação em curso foi deflagrada pela Operação Janus, que é um desdobramento da Lava Jato.

A defesa de Lula voltou a afirmar que o presidente é “vítima de lawfare, que nada é mais é do que uma guerra travada por meio da manipulação das leis para atingir alguém que foi eleito como inimigo político” (leia a declaração completa mais abaixo).

Os delitos foram supostamente praticados entre os anos de 2008 e 2015, de acordo com denúncia do MPF (Ministério Público Federal). A acusação afirma que os crimes que envolvem a liberação de empréstimos do BNDES para financiar obras da construtora Odebrecht em Angola.

Email this to someoneShare on FacebookTweet about this on TwitterPin on PinterestShare on Google+

Alex Moacir é vereador com mais proposições em 2016

Vereador recebe o Prêmio de Mais Produtivo de 2016

alex-premiado

Alex é premiado – Foto: Edilberto Barros

A Câmara Municipal de Mossoró premiou, nesta sexta-feira, 09, durante a sessão solene em Homenagem a Santa Luzia, o vereador Alex Moacir (PMDB), como o Mais Produtivo de 2016 (maior número de proposições apresentadas), segundo o levantamento anual da Secretaria Legislativa que acompanha o desempenho dos 21 vereadores.

De acordo com os dados oficiais da Secretaria Legislativa, foi avaliado o trabalho de apresentação de proposições, como projetos, requerimentos e indicações, de cada um dos 21 vereadores, divididos no 7º Período (1º semestre) e 8º Período (2º semestre), que compreende o ano legislativo de 2016.

No balanço oficial da secretaria da Câmara Municipal, Alex Moacir apresentou 124 proposições no 7º Período (7º P) e outros 81 no 8º Período (8º P), totalizando 205.

Confira a planilha oficial, com levantando sobre desempenho dos 21 vereadores de Mossoró, com o total de proposições apresentadas.

Email this to someoneShare on FacebookTweet about this on TwitterPin on PinterestShare on Google+