História em 46 anos

UERN comemora aniversário em Assembleia Universitária

UERN prestam homenagem a várias personalidades – Fotos: iPad Skarlack

 

A Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (UERN) chega aos 46 anos de fundação neste dia 28 de setembro consolidada como a maior Instituição de Ensino Superior do interior do Estado.

A instituição oferta atualmente 69 cursos de graduação e 11 programas de pós-graduação stricto sensu, com aproximadamente 12 mil alunos. São mais de 1200 professores e 1200 técnicos empenhados em garantir o acesso ao ensino superior de qualidade nos 17 municípios do Estado onde a UERN está presente, com o diferencial de ser a única instituição a reservar 50% das suas vagas para alunos oriundos de escola pública e 5% para alunos com deficiência.

Em seus 46 anos, a UERN reconhece o valor de pessoas que colaboraram com a instituição e presta sua homenagem na forma de comendas.

Em Assembleia Universitária da UERN realizada neste domingo (28), às 19h, no Teatro Municipal Dix-huit Rosado, foram feitas várias homenagens.

O presidente do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte, Desembargador Aderson Silvino, foi agraciado com o Título de Doutor Honoris Causa por sua atuação desde a fundação da UERN até os dias atuais. O título é direcionado a professores e pesquisadores eminentes, não integrantes aos quadros da UERN, que tenham prestado relevantes serviços à Universidade, e a personalidades eminentes, que tenham contribuído para o progresso da Universidade, da Região ou do País ou que tenham se distinguido pela sua atuação em favor das ciências, das letras, das artes ou da cultura em geral.

Também na Assembleia Universitária, o reitor Pedro Fernandes fez a entrega da Medalha da Abolição, que esse ano aborda o tema: “Liberdade pela Informação”.

Foram agraciados os ex-reitores Canindé Queiroz e Milton Marques, além do empresário Rútilo Coelho.

Outra homenagem foi feita ao professor aposentado João Batista Xavier, que dedicou sua vida à instituição, estando presente em muitas das lutas que marcaram a história da Universidade. O título é dedicado a professores aposentados, que tenham se distinguido no exercício de suas atividades de natureza universitária na UERN.
A técnica administrativa Neuma Medeiros também foi homenageada. Ela recebeu o Diploma do Mérito Administrativo, por ter, assim como o professor João Batista, dedicado sua vida à instituição, tendo ocupado, ao longo de sua trajetória, diversos cargos na administração da UERN. O Diploma é dedicado a servidores ativos ou inativos, pertencentes aos quadros da UERN, que tenham prestado relevantes serviços a esta universidade.

1 Comentário para História em 46 anos

  1. Leomar Rodrigues Fagundes disse:

    Gosto muito do seu blog Carlos parbėns

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

cinco + dezessete =