Operação contra facções criminosas cumpre 212 mandados de busca e apreensão e de prisão em Alagoas e mais 10 estados

No total, mais de 1.000 policiais participam da operação Flashback II

Polícia cumpre mandados em bairros de Maceió — Foto: Ascom/SSP

Uma megaoperação policial integrada foi deflagrada na manhã desta quarta-feira (27) para cumprir 110 mandados de prisão em Alagoas e outros sete estados contra integrantes de uma facção criminosa. Até 16h, 81 pessoas tinham sido presas e um dos alvos da operação morreu em confronto com os policiais.

A força-tarefa, denominada como Operação Flash Back, aconteceu simultaneamente nos estados de Alagoas, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, Paraná, Pernambuco, São Paulo, Tocantins e Sergipe.

Segundo informações da Segurança Pública de Alagoas (SSP/AL), a operação policial foi resultado de sete meses de uma investigação que monitora crimes de justiçamento, sequestros, assaltos e tráficos de drogas promovidos por integrantes de um grupo organizado que atua nacionalmente.

“O objetivo do trabalho é combater o principal núcleo da facção criminosa, com base no Mato Grosso do Sul, de onde saem as ordens de justiçamento para todo Brasil, sob comando de um faccionado identificado como ‘Maré Alta’. Segundo as investigações, este indivíduo compõe a atual chefia da facção, que substitui o fundador e chefe, Marcos Willians Camacho, conhecido como ‘Marcola’ que atualmente está preso na Penitenciária Federal de Porto Velho, em Rondônia”, expõe a nota da SSP/AL.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

quatro × 2 =