A pancada de Paulo Linhares em uma reca de oportunistas, babacas e desocupados

Não é possível que depois desse Artigo não parem com essa frescurite aguda de quererem solidarizar-se com a UERN que está acima dessa bobagem

Atenção desocupados, oportunistas virtuais e autoridades que perderam tempo com essa besteira besta de prestarem solidariedade e emprestarem apoio a UERN – que de tão importante independe desses arroubos e fanfarronices -, só pelo fato de um vereador ter declarado, o que é verdade verdadeira, que na instituição tem uns e outros que não fazer um “o” com uma quenga.

Finalmente, uma autoridade e com autoridade para opinar sobre essa bobagem, se pronunciou.

Leiam o artigo de Paulo Afonso Linhares e parem com essa frescurite aguda

A Quenga E O Vereador

Paulo Afonso Linhares

Paulo-Afonso-Linhares

Paulo Afonso Linhares é jurista, secretário municipal e diretor da Rádio e Portal Difusora

Quebrou a calmaria paroquial mossoroense a notícia que o vereador Jório Nogueira, em veemente pronunciamento na tribuna da Câmara Municipal, teria afirmado que os alunos da Universidade do Estado do Rio Grande do Norte não ”faziam sequer um ‘o’ com uma quenga”. Claro, essa é uma expressão bem típica da falar sertanejo, desta região potiguar, na qual o “o” é apenas aquela inocente quarta vogal do alfabeto e “quenga”, bem, não é o que as pessoas gostariam que fosse, pois há “quengas” e “quengas”, mas, a referida no polêmico discurso daquele edil  é apenas aquela banda do endocarpo lenhoso do fruto do coqueiro (Cocos nucifera), de formato arredondado e muito utilizada como recipiente (em algumas localidades substitui as xícaras e canecas) para servir bebidas diversas, de água a cachaça, enfim, uma vasilha feita com a metade de um coco. Que também serve para traçar um círculo, fazer um “o”.  A outra acepção de quenga, bem chula e com muitos “os” a considerar, é prostituta, garota de programa, periguete e por ai vai…

Claro, alunos, ex-alunos e professores da UERN assomaram às trincheiras das redes sociais para protestar contra as invectivas do vereador Jório Nogueira. A retaliação foi grande, de tuíte a fuxibuque. Interessante é que têm assentos na Câmara Municipal de Mossoró vários edis egressos dos cursos universitários da UERN, inclusive o seu presidente que, aliás, é docente dessa instituição. O atual prefeito de Mossoró, Francisco José Lima da Silveira Júnior, e o vice-prefeito, professor Luiz Carlos de Mendonça Martins, são egressos, também, da UERN. Brios feridos à parte, tudo não passou de mais uma trovejante e ciberespacial Batalha de Itararé, aquela que nunca houve.

A UERN não precisa dar explicações acerca da capacidade ou não de seus alunos fazerem um singelo “o” que seja. Em mais de quatro décadas de existência, essa notável instituição que é  fruto da ousadia da gente mossoroense, tem sido um dos mais notáveis pilares do desenvolvimento regional não apenas com abrangência no Rio Grande do Norte, mas, também no vale jaguaribano e no sertão da Paraíba. É injusto e absurdo negar a enorme contribuição da UERN. Sem mais nem menos ela é reflexo da estrutura social e econômica desta região do semiárido nordestino, nem tão melhor ou pior que outras instituições similares da mesma região. Aliás, desde o surgimento da vetusta Università di Bologna, na Itália, fundada em 1088, que essas instituições são marcadas pelos motivos que justificam as suas criações, sempre com profundas imbricações culturais, econômicas, políticas e sociais.

Com 87 cursos de graduação, entre bacharelados e licenciaturas, 15 cursos de especialização, 7 mestrados e 2 cursos de pós-graduação interinstitucional (um mestrado e um doutorado), a UERN está anos-luz à frente do singelo dilema de fazer um “o” com uma quenga. Outro aspecto relevante é tocante à qualidade técnica e profissional de seus egressos. E os exemplos são diversos: o Curso de Direito do campus de Mossoró está entre os cem melhores cursos jurídicos do país, a tirar pelo selo que lhe conferiu o Conselho Federal da OAB. Aliás, é muito alto o índice de aprovação de egressos da UERN no exame da OAB e em concursos públicos na área jurídica. Esse perfil se repete noutras áreas do ensino e pesquisa da Instituição. O episódio aqui comentado, por desagradável que possa ter sido, tem um lado positivo: trouxe à baila uma discussão sobre o papel atual da UERN, nos contextos social, econômico, cultural e político desta região. Em especial, neste momento em que se realizarão eleições em diversos níveis, inclusive para escolha do novo governador deste Estado, que assumirá em primeiro de janeiro de 2015, também, na condição de chanceler da UERN.

Ressalte-se que, diante da repercussão dessa querela, o vereador Jório Nogueira, em recente entrevista à Rádio Difusora de Mossoró, negou ter feito aquela afirmação; teria sido tudo um mal-entendido, pelo qual pediu desculpas à comunidade acadêmica da UERN. Meno male! Episódio esclarecido, caso encerrado. E a brava UERN segue em frente, por vezes até aos trancos e barrancos, mas, sempre, liber vi spiritus!

 

Herval Sampaio lança novo livro

Solenidade aconteceu no Hotel Garbos

O juiz Herval Sampaio foi prestigiado no lançamento de novo livro, na noite desta

daafafa

Candidata ao Senado pelo PSB intensifica campanha

Wilma: “Temos certeza que teremos bela vitória no Mato Grande”

Caiçara do Norte (Custom) Jandaira (2) (Custom)
Os candidatos da “União pela Mudança” comemoram a caravana realizada nesta sexta-feira (29), na região do Mato Grande. Com apoios de lideranças locais diversas nas oito cidades que passaram, eles tiveram engajamento de militancias, mas principalmente da população, que acenou, caminhou e participou efetivamente da mobilização.

“Gostaria de agradecer esse dia de hoje, que foi muito bom, graças a Deus. Essa campanha está esquentando e na região do Mato Grande estamos muito bem. Temos certeza que aqui teremos uma bela vitória da união e do povo. Mas temos que continuar trabalhando e lutando, porque campanha é boa com emoção, com todo mundo interagindo, exatamente como aconteceu em todas as cidades que passamos”, disse Wilma.

A caravana esteve hoje em Taipu, Poço Branco, Bento Fernandes, Caiçara do Norte, São Bento do Norte, Pedra Grande, Parazinho e  Jandaíra. Neste sábado (30),  passará por Ceará-Mirim e depois segue para as regiões do Vale do Assu e Salineira (Carnaubais, Itajá, Ipanguaçu, Alto do Rodrigues, Pendências e Macau).

 

Herval Sampaio tem lançamento de livro prestigiado

Juízes e promotores debate em lançamento de livro no Garbos Recepções

 

 

O juiz de Direito José Herval Sampaio Júnior, com atuação na Comarca de Mossoró, lançou seu livro “Abuso de Poder nas Eleições: triste realidade da política (agem) brasileira…”.

O lançamento aconteceu nesta sexta-feira (29), às 18h no Garbos Recepções.

Herval foi titular da 33ª Zona Eleitoral e presidiu as eleições municipais de 2012, vencidas por Cláudia Regina (DEM), que acabou cassada por uma série de fraudes eleitorais.

O livro “Abuso de Poder nas Eleições: triste realidade da política (agem) brasileira – Ensaios” faz alusão ao processo eleitoral citado e seus desdobramentos.

Lágrimas na despedida do presidente e vice do TRE

Sessão chororô nesta quinta-feira, no Tribunal Regional Eleitoral, na sessão de despedida dos presidente e vice, desembargadores Amilcar Maia e João Batista Rebouças.

Por: Thaisa Galvão

IMG_9202.PNG

Mais antigo do Pleno, o juiz Verlano Medeiros fez um discurso emocionado.
Chorou presidente, chorou vice, chorou o juiz.
Eis o discurso:
Senhor Presidente, Desembargador Amilcar Maia, Des.embargador Corregedor e Vice-Presidente, João Rebouças, caros colegas de bancada, Digno Procurador Regional Eleitoral, Dr. Gilberto Barroso, Dra. Andréa Campos, nossa Diretora Geral, assessores aqui presentes, funcionários desta Egrégia Corte, colegas advogados e demais presentes.
Não recebi nenhuma missão especial, todavia, não poderia deixar de proferir nesse momento de despedida, algumas palavras.
Faço isso, de coração, Desembargadores Amilcar e Rebouças.
Quando aqui cheguei, no ano de 2012, participei ainda que por pouco tempo, da gestão dos Desembargadores Saraiva Sobrinho e Vivaldo Pinheiro. Neófito, na ocasião, não nas lides eleitorais, mais no exercício da judicatura, com eles tive uma convivência harmoniosa e a partir de então puder entender que o Tribunal Regional Eleitoral do meu estado de coração, não era só um tribunal da cidadania, mais sim, um tribunal formado por pessoas capazes, justas e sérias, onde preponderava o respeito e a amizade, entre seus membros e funcionários.
Com a chegada de vocês, no final de agosto de 2012, pude compreender ainda mais o significado de justiça.
Apesar de jovens, vocês trouxeram para o TRE do RN uma experiência de trabalho, e as utilizaram aqui da melhor forma para servir ao próximo.
Humanos, conviventes, simples e humildes, não lhe faltaram atributos para exercerem os cargos de presidente e vice, deste Egrégio Tribunal.
Sou testemunha que sempre procuraram, no biênio que aqui termina pacificar os conflitos e trazer a nós membros deste colegiado, ideias propositivas para aprimorar o funcionamento desta Corte, em prol dos eleitores. Às vezes, sei que lidaram com espinhos, mais sempre souberam construir um caminho correto, por onde se escoaram sem atritos ou problemas.
Foram enérgicos quando precisaram ser, mas justos.
No exercício da judicatura, quando puniram, fizeram da pena a construção do bem e não a exarcebação do erro. Promoveram a instituição, incentivaram as virtudes e trabalharam para o crescimento da casa.
Essas foram às condutas de vocês, amigos se é que possa chamar assim, Desembargadores Amilcar Maia e João Rebouças. Uniram em vez de desagregar, incentivaram em vez de desestimular. Tiveram calma ao lidar com erros humanos e foram pródigos ao realçar virtudes.
Foi exatamente isso que fizeram de vocês, em pouco espaço de tempo, um dos melhores administradores deste Tribunal, daí a grandeza do trabalho que desempenharam e o êxito da missão que abraçaram.
Sei que a gestão de vocês contou com a inestimável colaboração e a imprescindível solidariedade dos colegas deste Tribunal, dos juízes de primeira instância, dos diretores e dos servidores desta Casa, merecedores, todos eles, do nosso reconhecimento e do nosso agradecimento pelo empenho, pela dedicação, pelo espírito coletivo, pela lealdade, pela responsabilidade e pela competência que sempre demonstraram em tudo o que fizeram.
Os cargos permanecem e nós passamos, como todos passam. Outros juízes suceder-nos-ão. O ostracismo alcançar-nos-á. Tudo que é terreno é efêmero. É correr atrás do vento, como está em Eclesiastes (2:26). Mais do que as honrarias do cargo, o que nos engrandecerá será bem servir àqueles que de nós esperam ações e realizações.
Tenho a dizer que aprendi muito nesses dois anos que convivi com vocês. Tive a certeza que nesta casa ninguém é dono da verdade, apenas estamos aqui para cumprir uma missão e fazer justiça de acordo com a consciência de cada um, Os integrantes desta instituição sempre se postaram honrados, valentes e em unidade na defesa da integridade e das prerrogativas deste Tribunal.
Por fim digo, de passo em passo é sempre um caminhar histórico e de construção compartilhada pelos inúmeros magistrados gestores e pioneiros, Presidentes, Vices, Corregedores, Diretores da Escola, auxiliares, servidores que por aqui já passaram.
Resgato, nesta hora, o pensamento de Voltaire: nunca qualquer floco de neve se sentiu responsável por uma avalancha.
Esta instituição é obra de todos nós, do passado e do presente. Se fazer fosse tão fácil quanto saber o que seria bom fazer, as capelas seriam igrejas, e as choupanas dos pobres, palácios de príncipes. William Shakespeare.

Que Deus abençoe vocês, Desembargadores Amilcar Maia e João Rebouças. Outras missões lhes esperam no Tribunal de Justiça do RN.
Muito obrigado

 

Herval Sampaio lança livro nesta sexta

“Abuso de Poder nas Eleições: triste realidade da política (agem) brasileira…” é o título da publicação

herval-Sampaio-Juiz-WR-1024x679

O juiz de Direito José Herval Sampaio Júnior, com atuação na Comarca de Mossoró, lança livro nesta sexta-feira (29). O lançamento acontece às 18h no Garbos Recepções.

Herval foi titular da 33ª Zona Eleitoral e presidiu as eleições municipais de 2012, vencidas por Cláudia Regina (DEM), que acabou cassada por uma série de fraudes eleitorais.

O livro “Abuso de Poder nas Eleições: triste realidade da política (agem) brasileira – Ensaios” faz alusão ao processo eleitoral citado e seus desdobramentos.

 

Fonte: www.gutembergmoura.com.br

Rosalba Ciarlini é obrigado a entrar na campanha de Betinho Segundo

Desempenho fraco de sobrinho leva governadora a marcar reunião com militância

Rosalba plenário_agência Senado

 

Mesmo tentando adotar a tática do distanciamento do processo eleitoral, depois que não reuniu condições de disputar sua própria reeleição, a governadora do Estado, Rosalba Ciarlini (DEM) está diante de um grande dilema.

Terá que arregaçar as mangas para tentar eleger o candidato a deputado federal, Betinho Rosado Segundo, filho de seu cunhado, o deputado federal Betinho Rosado.

Nas pesquisas realizadas até o momento Betinho Segundo aparece atrás da deputada federal Sandra Rosado e da ex-prefeita Fafá Rosado.

Um fracasso de Betinho Rosado contribuiria para desgastar ainda mais a já rejeitada imagem da governadora.

Francisco Carlos imprime ritmo intenso de atividades legislativas na Câmara Municipal

Mandato do vereador também atua em defensa de questões como a educação municipal


10387550_697228787028882_3760015084583021651_n

O vereador e presidente da Câmara Municipal de Mossoró tem realizado um grande trabalho legislativo neste ano de 2014.

Além de ter ascendido ao cargo de presidente do Poder Legislativo ele vem imprimindo um ritmo intenso de trabalho.

Um dos destaques é a execução do projeto Câmara Todo Dia em que a Câmara Municipal tem imprimido.

Concomitantemente, seu próprio mandato acompanha o mesmo ritmo.

Uma prova é a campanha que o mesmo iniciou através de campanha publicitária em que defende um investimento de 30% do Orçamento Municipal na educação.

Fafá e Leonardo fazem campanha casada com candidatos majoritários

Henrique e Wilma aparecem em peças publicitárias expostas em via pública por Fafá e Leonardo 

1488271_697228943695533_7052597835994001860_n 10659446_697229137028847_813435009504192720_n

A candidata a deputado federal, Fafá Rosado (PMDB) e o deputado estadual e candidato à reeleição, Leonardo Nogueira (DEM) tem feito a campanha “casada” com a dos candidatos majoritários.

As peças expostas em via pública de Fafá e Leonardo  apresentam propagandas coladas com as dos candidatos ao Governo do Estado, Henrique Eduardo Alves (PMDB) e ao Senado, Wilma de Faria (PSB).