Facene anuncia novidade

Faculdade oferece especializações 

A Facene/RN com o intuito de aprimorar e aprofundar os conhecimentos adquiridos na graduação oferece a Pós-Graduação Facene Mossoró que está destinada a área da saúde e afins, ofertando as seguintes especializações: Urgência e Emergência, Saúde da Família, Saúde e Segurança do Trabalho, Metodologia do Ensino Superior, Saúde Mental e Psiquiatria, Obstetrícia, Auditoria, Cardiologia e Nefrologia.

A pós-graduação permite que o profissional se torne um especialista em uma determinada área ou assunto. Isso porque, os conhecimentos captados na graduação serão aprofundados na especialização.

O corpo docente é altamente preparado e qualificado para ministrar aulas que unirão a prática e a teoria dos conteúdos trabalhados.

 

Eduardo Campos diz que no RN está com Henrique e Wilma

Candidato a presidente da República declara apoio através do Twitter

 Você retweetou @Eduardo40Brasil
Eduardo Campos
No Rio Grande do Norte, estaremos com@HenriqueEAlves (PMDB). Para o Senado indicamos a Líder @wilmadefaria (PSB).

Enquanto prepara agenda para o Rio Grande do Norte o candidato a presidente da República, Eduardo Campos (PSB) faz declaração de apoio aos seus preferidos no Estado.

Através de sua conta no Twitrer  Eduardo Campos anuncia que no Estado, além de Wilma de Faria, presidente estadual de seu partido, o PSB, está com o deputado federal, Henrique Alves, PMDB, para o Governo.

 

Wilma de Faria recebe novos apoios

Candidata ao Senado tem apoio do prefeito de Eloi de Souza 

DSC_0055

O prefeito de Senador Eloi de Souza, Kerginaldo Medeiros, anunciou o apoio à candidatura da ex-governadora Wilma de Faria (PSB) ao Senado. Kerginaldo Medeiros, afirmou que segue a orientação do presidente estadual PMDB, deputado Henrique Eduardo Alves, candidato a governador.

Kerginaldo é filiado ao PMDB. “Sigo a recomendação de Henrique, do partido”, comentou, depois de se reunir na tarde desta segunda-feira, com Wilma de Faria.

Artigo

O novo, a mudança

Lairinho Rosado
Por: Lairinho Rosado
Na campanha que se inicia oficialmente nesse fim de semana, mais precisamentre sobre a sucessão estadual, alguns tentam pautar o debate pelo índice de rejeição de um candidato ou de outro. Quem perde com isso é, principalmente, a democracia. Não deveriam se nivelar por baixo. Recordo-me fortemente da eleição presidencial de 2010, quando assuntos como economia, saúde, educação, segurança e infraestrutura deram lugar ao debate acerca do aborto, casamento e homossexualidade.
Os principais concorrentes majoritários no RN estão na chapa PMDB-PR-PSB e PSD-PC do B-PT. Para falar sobre renovação ou mudança, fico me perguntando quem dos principais representa esse sentimento. Robinson Faria não vive sem um mandato há 28 anos; Henrique Alves está há 44 anos na Câmara dos Deputados; Fátima Bezerra exerce mandatos consecutivos há 20 anos; Wilma, com poucos intervalos sem mandato, está há 28 anos em cargos públicos; e João Maia e Fábio Dantas, os vices, estão há menos tempo exercendo cargos eletivos. Todos os concorrentes estão há décadas exercendo cargos públicos. Não há nada de errado nisso. Política é disputa por espaço, pelo poder, pra que se possa pôr em prática o que se acredita ser melhor para a sociedade.
Não acho correto a simples definição da política como direita contra esquerda, certo contra errado, velho contra novo. Não estamos mais nos tempos de monarquia onde os que estavam à esquerda do rei eram a favor de mudanças pelo povo e os que estavam à direita preferiam deixar como estava, povo lá, corte cá. Os tempos são outros. As necessidades e o debate, idem. Não acredito em um socialismo sem meritocracia e respeito à economia, como não acredito num capitalismo histérico que não olhe para os mais necessitados, que não trabalhe pelo social. Um precisa do outro, um pode completar o outro. O que menos interessa é a simpatia de A ou de B. A capacidade de agregar, unir, convencer e gerenciar os problemas e soluções é o que qualquer governo precisa. Não se precisa de gerente, mas de líderes que possam ter seus gerentes.
Pouco importa quantos anos tem cada um dos candidatos ou há quantos anos está na política. Conheço políticos de muita idade com perfil inovador, mas também conheço políticos novos na idade e no tempo de exercício da política que se utilizam das mais retrógradas e degradantes formas de se fazer política. A pergunta a ser feita é: quem tem mais condições necessárias para que o nosso Estado volter a crescer? Quem, no Rio Grande do Norte, merece mais a confiança do povo potiguar para governar o Estado? De 2008 pra cá, cidades como Natal e Mossoró, o próprio governo estadual, são más experiências do efeito colateral de deslize no oportunismo, no discurso fácil e no oba-oba.
Na corrida presidencial teremos grandes nomes debatendo: Dilma Rousseff (PT), Aécio Neves (PSDB) e Eduardo Campos (PSB), além de Pastor Everaldo (PSC), Luciana Genro (PSOL), Eduardo Jorge (PV) e Levy Fidelix (PRTB). A esperança é que o debate não se apequene, não se tente promover o debate de passado contra passado, deixando de fora assuntos necessários para a retomada do crescimento brasileiro, como as tantas reformas do Judiciário, tributária, mudanças na economia.
É muito o que se precisa debater. O Brasil está entre os que menos cresceram na América Latina e o Rio Grande do Norte apresenta números aterradores na saúde, educação, segurança, turismo, economia. O eleitor não pode se deixar levar pelo debate rasteiro. O novo pode estar num candidato com anos de estrada, assim como o velho pode estar dentro daquele que prega renovação. A guerra de informação ajuda a embaralhar a cabeça das pessoas, mas não há como fugir. O povo brasileiro escolherá os nossos governantes.
Artigo do vereador Lairinho Rosado no jornal O Mossoroense 

Francisco José começa campanha

Ex-deputado tem CNPJ liberado e divulga propaganda

Francisco José já está em campanha – Imagem: Assessoria

O candidato a deputado estadual, Francisco José (PROS), organiza suas equipes de trabalho para ampliar a campanha que está pronta para ganhar as ruas.

Agora, com a liberação do CNPJ, ele prepara a impressão do material gráfico onde vai apresentar suas propostas para retornar à Assembleia Legislativa.

Pai do prefeito de Mossoró, Silveira Júnior (PSD), o Irmãozinho, como ficou conhecido na cidade, está fortalecido para iniciar sua caminhada, reunindo ao seu lado as forças suficientes para lhe garantir vitória nas eleições de outubro próximo.

Mulher é morta em Umarizal

Mikaely Lucena foi assassinada dentro de sua própria residência 

Mikaely morte

Mikaely Lucena foi morta em sua residência – Foto: Divulgação

A dona de casa Mikaely Lucena, 26 aos, foi assassinada na noite desta terça-segunda-feira, 7, em sua residência na rua Francisco Raimundo de Freitas, bairro Caraíbas, município de Umarizal.

O crime foi praticado por um homem que fugiu em uma motocicleta, por volta das 23h40.

O marido da vítima não se encontrava em sua residência.

Mais detalhes no Portal Difusora.

Dia de jogo

Jogo do Brasil provoca mudança em horário de funcionamento de comércio

O jogo do Brasil contra a Alemanha, em Belo Horizonte, nesta terça-feira, 8, provoca mudança no horário de funcionamento do comércio em Mossoró.

O expediente no comércio vai até às 16h.

Os supermercados também funcionarão até ás 16h.

No Partage Shopping Mossoró as lojas terão expediente até às 16h30.

Três secretários não participaram de solenidade de posse

Jerônimo Rosado, Fernanda Abreu e Nilson Gurgel foram ausências registradas por motivos diferentes 

Durante o ato de posse do novo secretariado municipal, presidido pelo prefeito do município Francisco José Júnior (PSD) três secretários deixaram de participar da solenidade.

O secretário da Fazenda, Jerônimo Rosado, se encontrava em Brasília cumprindo agenda administrativa oficial.

A Consultora Geral do município, Fernande Abreu, foi impedida em virtude de uma cirurgia a que sua mãe teve que se submeter.

Já o novo secretário de Planejamento, Nilson Gurgel, sofreu uma complicação no coração e teve que receber assistência médica.

Festival de diárias

Governo Rosalba gasta nos primeiros seis meses de 2014 R$ 1 milhão a mais em diárias do que o mesmo período de 2013

Por: Anna Ruth
Nos primeiros seis meses de 2014, o Governo Rosalba Ciarlini gastou quase R$ 6 milhões em diárias. Os números são do Portal da Transparência.

No total, foram 5.715.531,63. O valor é quase R$ 1 milhão a mais do que foi gasto no mesmo período do ano passado. Em 2013, o acumulado de janeiro a junho apontou um gasto em diárias de 4.823.579,37.

Fonte: www.tribunadonorte.com.br

O Velho Apache Antenado avisa

Vem novidades e surpresas por aí

Depois de atualizar sua tabela da Copa do Mundo e contabilizar os gols marcados o Velho Apache Antenado chegou a uma conclusão.

Vem novidades por aí.

E, com certeza, não será o retorno de Neymar ao time de Felipão.