No RN, IPVA de veículos com placas finais 9 ou 0 vence nesta quinta (13)

Imposto pode ser pago por boleto digital

No RN, cerca de 600 mil veículos possuem placas com finais 9 ou 0 — Foto: Italo Di Lucena/Inter TV Cabugi — Foto: Italo Di Lucena/Inter TV Cabugi

No RN, cerca de 600 mil veículos possuem placas com finais 9 ou 0 — Foto: Italo Di Lucena/Inter TV Cabugi — Foto: Italo Di Lucena/Inter TV Cabugi

Quem possui veículos, cujas placas têm final 9 ou 0, deve ficar atento ao prazo de vencimento do Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA). Esta quinta-feira (13) é o último dia para pagar a cota única com desconto de 5%. Porém, também é possível parcelar o valor total do imposto em até cinco cotas.

Para pagar, o proprietário precisa gerar o boleto pela internet no site do Detran-RN (clique AQUI), pois a partir deste ano não está mais sendo enviado o carnê para a residência do contribuinte.

Em todo o Rio Grande do Norte, mais de 600 mil veículos estão aptos a pagar o IPVA.

Como pagar

Para que o proprietário de veículo tenha acesso às guias e boletos de pagamento da Taxa de Licenciamento, o Detran disponibiliza quatro alternativas, já que este ano não é mais enviado o carnê físico para os endereços cadastrados. São elas:

  • 1) Por meio de boleto digital emitido pelo site do Detran-RN
  • 2) Pelo aplicativo ‘Detran-RN’, exclusivo para smartphones
  • 3) Diretamente nas agências do Pag Fácil
  • 4) Para clientes do Banco do Brasil, diretamente nas agências ou caixas eletrônicos

No site do Detran-RN, o processo de emissão dos boletos é simples. Basta acessar o portal e depois clicar no ícone “Consulta de veículos e boletos”. Em seguida, é mostrada uma página onde é possível digitar a numeração da placa e do Renavam do veículo a ser consultado. Desta forma é possível ter acesso ao ambiente online onde fica disponível os boletos da Taxa de Licenciamento, IPVA e DPVAT, além de possíveis débitos de infrações de trânsito relacionadas ao veículo consultado.

Um outro ponto positivo é a possibilidade do proprietário pagas as taxas no banco de sua escolha. É só clicar no imposto que deseja efetuar o pagamento, e imediatamente é aberta uma nova tela com as opções de emissão de boleto direcionado ao Banco do Brasil ou as demais instituições bancárias.

Câmara aprova doação de terrenos para estimular empregos

Projetos do Executivo foram aprovados nesta quarta-feira (12)

O Plenário da Câmara Municipal de Mossoró aprovou, nesta quarta-feira (12), os projetos de lei 1.210/19 e 1.211/18, ambos de autoria do Executivo, que oficializam doação de terrenos públicos, no Distrito Industrial, às empresas Trevo Embalagens e Centro de Distribuição Parque Elétrico.

Mais cedo, na parte inicial da sessão, o Legislativo recebeu o secretário municipal de Desenvolvimento Econômico, Lahyre Rosado Neto, que pediu o apoio dos vereadores para a aprovação das matérias, em pronunciamento no projeto Tribuna Popular.

Segundo ele, a doação das áreas possibilitará a expansão das empresas beneficiadas e gerar mais empregos. “O Parque Elétrico pretende gerar 30 empregos, num primeiro momento, e mais 30 empregos no futuro. A outra beneficiada será uma empresa de embalagens de plásticos, a Trevo Embalagens, que já investiu mais de R$ 6 milhões na nossa cidade e agora pretende ampliar a produção”, justifica.

O secretário explicou que a doação dos terrenos não trará prejuízos ao município, por causa da cláusula de reversão existente nos contratos. “Temos uma lei municipal que determina que, se os terrenos não forem utilizados pelas empresas ou se elas entrarem em falência ou saírem de Mossoró por qualquer motivo, essas áreas voltam para o município. Inclusive, fizemos a reversão de mais de 30 terrenos que foram doados e não foram utilizados”, explica.

Incentivo

A doação de áreas para empresas funciona como um incentivo do município para atrair investimentos. “A Mossoró Premoldados é um exemplo de como essa atitude pode beneficiar os mossoroenses. A empresa, que hoje é responsável pela geração de centenas de empregos na cidade, recebeu doação de áreas da Prefeitura”, explicou Lahyre.

Ceará

O Ceará é um exemplo de sucesso no incentivo a permanência de indústrias no Estado. Desde a década de 80, programas de apoio a empresas são empregados por lá. “No Ceará, não apenas se doa os terrenos, mas também se constrói os prédios. E não há como se negar o sucesso do Ceará, que hoje possui um importante parque industrial”, afirmou Lahyre.

Outras ações

O secretário explicou que essa é apenas uma das formas encontradas pela Prefeitura para impulsionar a criação de empregos “Disponibilizamos um formulário no site da Prefeitura para empresários do mundo todo que estejam interessados em investir na cidade. A economia do país enfrenta problemas e a Prefeitura de Mossoró está sempre procurando maneiras de fazer com que o desemprego na nossa cidade diminua”, informa.

Participação

Os vereadores Ozaniel Mesquita (PR), Gilberto Diógenes (PT) e Raério Araújo (PMB) se mostraram preocupados com a forma como os terrenos serão doados. “O Ministério Público recomenda que a doação seja feita através de licitação. Vou apoiar sim a decisão, se for feita de maneira legalizada, pois o que trouxer emprego pra Mossoró com certeza terá meu apoio”, declarou Raério.

Os vereadores Ricardo de Dodoca (Pros), Sandra Rosado (PSDB), Manoel Bezerra (PRTB), Alex Moacir (MDB) e Francisco Carlos (PP) declararam apoio ao projeto. “São terrenos que não estão sendo utilizados pelo município e que vão gerar renda para o mossoroense”, declarou Manoel Bezerra.

O secretário, em resposta, finalizou o pronunciamento, garantindo que não há ilegalidade no projeto. “Jamais traria um projeto ilegal para esta Casa. A doação dos terrenos só trará benefícios pra Mossoró”, reforçou.

ROSALBA EMPOSSA NOVA CHEFE DE GABINETE DA PREFEITURA DE MOSSORÓ

SECRETARIADO PARTICIPA DE POSSE

A imagem pode conter: 2 pessoas, pessoas sentadas e área interna

A imagem pode conter: 1 pessoa, sentado

A imagem pode conter: 12 pessoas, pessoas sorrindo, pessoas sentadas

A imagem pode conter: 6 pessoas, pessoas sorrindo, pessoas sentadas

A prefeita de Mossoró, Rosalba Ciarlini, empossa a nova chefe de Gabinete, Fernanda Kaline.

Na solenidade realizada no Palácio da Resistência, a prefeita destaca o trabalho de seus auxiliares na reconstrução de Mossoró:

FERNANDA KALINE ASSUME CHEFIA DE GABINETE DA PREFEITURA

PREFEITA EMPOSSA NOVA SECRETÁRIA

Foi realizada nesta quarta-feira, 12, a posse da nova chefe de Gabinete, da Prefeitura Municipal de Mossoró, Fernanda Kaline.

A posse foi dada pela prefeita, Rosalba Ciarlini, às 11h, no Palácio da Resistência.

A nova secretária fala sobre a nova missão:

 

PSDB decide prorrogar mandatos dos atuais dirigentes municipais

Presidente Ezequiel Ferreira aprova calendário

O PSDB no Rio Grande do Norte vai realizar convenções em municípios para renovar os mandatos de seus dirigentes entre os dias 1o de 7 de julho. O calendário foi aprovado pelo presidente estadual da legenda, presidente da Assembleia Legislativa Ezequiel Ferreira de Souza.

A prorrogação dos mandatos de alguns diretórios municipais atende a uma das diretrizes da nova Executiva Nacional do partido, “de fortalecimento da legenda” em todo o país.

“Estamos dando sequência ao trabalho para fortalecer ainda mais o PSDB no Estado, contribuindo para que a legenda tenha forte atuação nos municípios potiguares e esteja representada nas próximas eleições na maior quantidade de cidades do RN”, disse o presidente da legenda.

Conforme a resolução, “os diretórios municipais que, por qualquer motivo, deixarem de realizar sua convenção na data base fixada, restarão dissolvidos automativamente, oportunidade em que o Diretório Estadual designará uma Comissão Provisória”.

Plenário da Câmara de Mossoró fará esforço concentrado para votar LDO

Legislativo fará sessões extraordinárias na próxima semana. Projeto de Lei recebe 243 emendas

 

A Comissão de Orçamento, Finanças e Contabilidade (COFC) da Câmara Municipal de Mossoró adiou para quarta-feira (19), o anúncio da decisão sobre as emendas ao projeto da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) de 2020 (Projeto de Lei do Executivo 1209/2019).

Com isso, o Plenário fará esforço concentrado para concluir apreciação do projeto, na próxima semana. No mesmo dia 19, haverá primeira e segunda votações do projeto em si, com duas sessões extraordinárias entre cada turno de votação (no mesmo dia), para cumprir o interstício regimental.

O presidente da COFC, vereador Manoel Bezerra (PRTB), justifica que o grande número de emendas (243) exigiu do corpo técnico da Casa mais tempo hábil para conclusão da análise. Tanto que a comissão, segundo ele, já fez duas reuniões, ontem e hoje, para acelerar o trabalho.

A presidente da Câmara, Izabel Montenegro (MDB), informa que o esforço da quarta-feira (19) visa a dar tempo à sanção da LDO antes do recesso, que começará dia 19 de julho. “Para que, em caso de vetos a emendas, a gente tenha prazo para votar as mensagens do Executivo”, explica.

Hospital Wilson Rosado ameaça suspender serviços do SUS

Motivo é dívida de R$ 15 milhões por falta de repasses do poder público

Resultado de imagem para Hospital Wilson Rosado

O Hospital Wilson Rosado, em Mossoró, informou que vai suspender o atendimento da UTI pediátrica e as cirurgias eletivas que ocorrem por meio do Sistema Único de Saúde (SUS) no local. O motivo da suspensão é, segundo o próprio hospital, uma dívida de R$ 15 milhões, devido à falta de repasse do Governo do Estado e da Prefeitura Municipal de Mossoró (PMM).

Desse valor total, 60% é referente ao débito do Governo do Estado e os 40% seriam o débito do Município. Ainda de acordo com o Hospital Wilson Rosado, a dívida da PMM ocorre porque há dois anos, o Município não paga a complementação dos serviços. O HWR afirma que há 60 dias o Governo do Estado pagou o “tcep” (cooperação entre Estado e Município, em que o Estado complementa com 60%), mas até ontem (11) o repasse não foi feito pelo Município.

O comunicado feito pelo hospital informa que os atendimentos da UTI pediátrica devem ser suspensos ainda nesta semana, caso não seja feito nenhum repasse por parte do Estado e do Município. Informou ainda que a previsão é de que as cirurgias ortopédicas e cardíacas também sejam suspensas, mas na próxima semana. Apenas as cirurgias oncológicas serão mantidas, até segunda ordem, uma vez que o hospital entende os problemas gerados com a suspensão desse serviço.

 

Nus e amarrados, corpos de três jovens são encontrados em matagal na Zona Norte de Natal

Crime aconteceu nesta terça-feira (11) no conjunto Nordelâdia

Região onde os corpos foram encontrados fica às margens da BR-101, próximo da rotatória que dá acesso ao município de Extremoz, na Grande Natal — Foto: Inter TV Cabugi/Reprodução

Três jovens foram encontrados mortos na tarde desta terça-feira (11) em meio a um matagal no conjunto Nordelância, na Zona Norte de Natal. Os corpos estavam nus e amarrados. A região fica às margens da BR-101, próximo da rotatória que dá acesso ao município de Extremoz.

Até as 8h20 desta quarta (12), as vítimas ainda não haviam sido identificadas.

Segundo a Polícia Militar, foi um morador da região, que fazia uma trilha, quem encontrou os corpos. Os cadáveres estavam em uma área de difícil acesso. Por causa da mata extensa, as equipes da Polícia Civil e do Instituto Técnico-Científico de Perícia (Itep) demoraram quase duas horas para chegarem ao local.

Um outro morador da região disse à polícia que ouviu disparos de arma de fogo durante a madrugada.

Nos corpos, a perícia encontrou várias marcas de tiros. Porém, ainda não há pistas dos assassinos nem da motivação do crime.

Fonte: G1/RN

 

 

ROSALBA CIARLINI REABRE O PARQUE DA CRIANÇA

PREFEITA DESTACAM EM DISCURSO, A IMPORTÂNCIA DA OBRA INSTALADA PELA EX-REFEITA FAFÁ

A imagem pode conter: 7 pessoas, incluindo Francisco Carlos, pessoas sorrindo

A imagem pode conter: 3 pessoas, pessoas sorrindo, pessoas em pé

A imagem pode conter: 8 pessoas, incluindo Francisco Carlos, pessoas sorrindo, pessoas em pé e criança

A prefeita de Mossoró, Rosalba Ciarlini, reinaugurou o Parque da Criança, equipamento instalado no Corredor Cultural da Avenida Rio Branco.

Em seu discurso, Rosalba contabilizou investimento R$ 800 mil.

Destacando que depois de iniciar a implantação do Corredor Cultural, sua sucessora, Fafá Rosado, executou a construção do Parque da Criança.

Quando assumiu, no atual mandato, Rosalba afirmou que encontrou o Parque da Criança transformado em depósito de lixo.

Hoje, o Parque da Criança, foi reabertura com nova atrações.

 

Após acordo, Comissão aprova crédito extra de R$ 248,9 bi para o Executivo

Segundo a equipe econômica do governo, a autorização do Congresso para o crédito extra é fundamental para garantir o pagamento de subsídios e benefícios assistenciais

Após acordo entre os partidos e o governo federal, a Comissão Mista de Orçamento (CMO) aprovou nesta terça-feira (11) o projeto de crédito suplementar que concede ao Executivo autorização para quitar, por meio de operações de crédito, despesas correntes de R$ 248,9 bilhões. O PLN 4/19 segue para votação, ainda nesta tarde, dos deputados e senadores em sessão do Congresso Nacional.

Segundo a equipe econômica do governo, a autorização do Congresso para o crédito extra é fundamental para garantir o pagamento de subsídios e benefícios assistenciais, sem descumprir a chamada regra de ouro, que impede o governo de se endividar para pagar despesas correntes, como salários.

O relator da proposta na CMO, deputado Hildo Rocha (MDB-MA), votou pela aprovação. O parlamentar rejeitou duas emendas, mas elevou em R$ 80 milhões o repasse ao Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf), cancelando o mesmo valor em subvenções.

Para viabilizar a votação do parecer na comissão, a líder do governo no Congresso, deputada Joice Hasselmann (PSL-SP), anunciou que o governo prometeu:

1 – liberar para a educação R$ 1 bilhão dos recursos que hoje estão contingenciados;

2 – destinar R$ 1 bilhão para o programa habitacional Minha Casa, Minha Vida;

3 – enviar R$ 550 milhões para as obras de transposição do Rio São Francisco;

4 – liberar 330 milhões para bolsas de estudo do CNPQ.

Outro ponto reivindicado pelos congressistas, e garantido pelo acordo, segundo Joice Hassalmann, vai assegurar que as universidades e os institutos federais tenham R$ 1 bilhão liberados e, assim, não correrão risco de ter as atividades básicas suspensas neste ano.

Apesar da aprovação do parecer de Hildo Rocha, os partidos de oposição PT e PCdoB apoiaram o voto em separado do senador Angelo Coronel (PSD-BA), que previa um montante menor, de R$ 146 bilhões, para o pagamento de despesas do governo federal. Para o senador, a autorização de montante maior seria um “cheque em branco para o governo”.