ENTREVISTA: GEOVANY SOUZA

PRÉ-CANDIDATO A VEREADOR FALA DE SEU PROJETO

POR CARLOS COSTA

BLOGCARLOSCOSTA.COM

Entrevista com pré-candidato a vereador, Geovany Sousa (MDB), trabalho e obstinação

“Não poderia fugir a missão, de contribuir com a população da cidade que se tornou o lar para a minha família”

O empresário cearense Geovany  Sousa, radicado em Mossoró há 13, anos, com atuação em diversos projetos sociais desenvolvidos através de grupos de apoio aos idosos e a crianças carentes, aparece como dos nomes forte do MDB, como pré-candidato a vereador nas eleições municipais de novembro. Ele falou com a nossa reportagem sobre sua vida e seus projetos para mais esse desafio.

Quando foi que você chegou em Mossoró, e o que fez você adotar essa cidade como seu novo lar e o da sua família?

Cheguei em Mossoró no início de novembro de 2007. Era funcionário da SBC de Fortaleza a 12 anos, quando surgiu a oportunidade de me tornar sócio e abrir uma filial. Foi então que decidi vir para Mossoró com minha família e nos encantamos por essa cidade, com uma gente aguerrida que nos acolheu tão bem. Prova do amor por essa terra é que recebi o Título de Cidadão Honorário da cidade, que hoje é a minha cidade do coração.

Quando surgiu a ideia de desenvolver as ações sociais que você vem realizando em diversos bairros da periferia de Mossoró?

A minha origem simples, a fé em Deus e a experiência profissional no Grupo SBC, me fazem encarar as atividades de responsabilidade social com naturalidade. Afinal, desde cedo, entre minha família e os vizinhos, fomos educados a ajudar uns aos outros.

E isso não mudou porque é parte do que acredito, como cristãos e cidadão, que é uma sociedade mais justa e fraterna. Aqui em Mossoró, não poderia ser diferente, afinal está na conduta do Grupo SBC realizar ações de responsabilidade social. Pouca gente tem conhecimento, mas em 2016, eu fui candidato.

Devido a muitas pessoas me conhecerem e ter ideia do meu trabalho, eu fui convencido por um dirigente de partido para compor a chapa do PMN. Eu até então não tinha intenção nenhuma em ser candidato, mas como era filiado ao partido, pelo fato de sempre gostar de política aceitei, já faltando poucos dias para as convenções.

E mesmo sem nenhum projeto para enfrentar uma candidatura, nós conseguimos 541 votos. Foi então que percebi que através do nosso trabalho poderíamos pensar e projetar uma candidatura, e com o incentivo de amigos decidimos lançar nossa pré-candidatura a vereador.

Você acredita que como vereador poderá mudar alguma coisa que possa melhora as condições de vida dessas pessoas que vivem nas áreas mais distante?

Um vereador precisa legislar de acordo com a necessidade da população, representa-la e não pleitear em causa própria. Sou alguém que tem uma história humilde, que cresceu com o fruto do trabalho e que sei da importância do trabalho, da saúde e da família para o povo humilde e batalhador. É por isso que acredito que posso ajudar ainda mais como vereador.

Atualmente, através dos programas sociais do Grupo SBC, realizamos atendimentos de saúde, ações voluntárias nas periferias e na zona rural, além de atividades sociais com a melhor idade. Isso porque entendemos que temos a obrigação de contribuir para levar uma vida mais digna a todos. E isso só é possível fortalecendo esses três pilares: família, saúde e emprego.

Qual será sua bandeira de atuação, para consolidar seu nome para disputar uma cadeira na Câmara Municipal de Mossoró?

Gente que ajuda a gente, esse sou eu! Uma pessoa comum, que veio de baixo, que conquistou o que tem hoje apenas com o trabalho e o apoio da família. Alguém como você que está aí, que não nasceu em berço de ouro, mas que tem os braços calejados e prontos para o trabalho. Pronto para representar essa gente que só quer uma oportunidade para viver uma vida digna e próspera, com mais condições de emprego, renda e saúde.


O que você pode oferecer de novo para os eleitores, que nesse atual momento se sentem tão descrente com a classe política?

Precisamos de mais representantes que tenham uma história de vida de gente como a maioria dos brasileiros, alguém que tenha uma carreira independente da política, com atuação social e que entenda que fazer política não depende apenas de um cargo eletivo.É preciso alguém com coragem para arregaçar as mangas e criar projetos que beneficie as famílias, principalmente as mais carentes.Que precisam do amparo do Estado no tocante a políticas públicas de geração de emprego e renda.

Com você avalia a atuação da vereadora Izabel Montengro, que preside o seu partido e a CMM?

A Vereadora Izabel Montenegro é uma mulher íntegra e objetiva, que enfrenta com coragem a gestão da Câmara Municipal de Mossoró, onde vem realizando um bom trabalho. Foi por essa confiança, que aceitei o convite para ingressar no seu partido (MDB) e compor a chapa para o pleito eleitoral desse ano.

Como você avaliar o desepenho da administração da prefeita Rosalba Ciarlini, diante de toda esse crise da pandemia?

Mossoró teve a sorte de enfrentar esse momento de pandemia tendo como gestora uma médica, com grande experiência administrativa-política! Graças a essa vivência profissional e política da prefeita Rosalba Ciarlini, não tivemos que enfrentar estrangulamento das vagas de UTI em nosso município.

Além disso, a realização da testagem rápida para o público considerado de risco foi outro ponto positivo do enfrentamento ao COVID-19 em Mossoró.Óbvio, que num Estado como o Rio Grande do Norte, onde o governo não está bem financeiramente, o município sofre. Mas, a prefeita Rosalba Ciarlini está conseguindo conduzir de uma forma a minimizar os impactos da pandemia.

No tocante a retomada econômica é que vamos precisar que o município tenha ações efetivas para ajudar o comércio, os pequenos negócios e o segmento empresarial da cidade, como um todo. E para isso, sem dúvida, ela vai precisar de uma bancada que lute pela criação de leis que estimulem a criação de novos postos de trabalho e voltem a fazer de Mossoró a cidade mais próspera do RN.

Em 2016 eu fui convidado, pela primeira vez, para compor uma chapa eleitoral. A política, até então, nunca tinha sido uma das minhas opções. Mas a solicitação popular, dos amigos e familiares me fizeram sentir que não poderia fugir a missão, de contribuir com a população da cidade que se tornou o lar para a minha família, que é Mossoró.

Quando surgiu a ideia de desenvolver as ações sociais que você vem realizando em diversos bairros da periferia de Mossoró?

Pouca gente tem conhecimento, mas em 2016, eu fui candidato. Devido a muitas pessoas me conhecerem e ter ideia do meu trabalho, eu fui convidado por um dirigente de partido para compor a chapa do PMN. Eu até então não tinha intenção nenhuma em ser candidato, mas como era filiado ao partido, pelo fato de sempre gostar de política aceitei, já faltando poucos dias para as convenções.

E mesmo sem nenhum projeto para enfrentar uma candidatura, nós conseguimos 541 votos. Foi então que percebi que através do nosso trabalho poderíamos pensar e projetar uma candidatura, e com o incentivo de amigos decidimos lançar nossa pré-candidatura a vereador.


Você acredita que como vereador poderá mudar alguma coisa que possa melhora as condições de vida dessas pessoas que vivem nas áreas mais distante?

Um vereador precisa legislar de acordo com a necessidade da população, representa-la e não pleitear em causa própria. Sou alguém que tem uma história humilde, que cresceu com o fruto do trabalho e que sei da importância do trabalho, da saúde e da família para o povo humilde e batalhador.

É por isso que acredito que posso ajudar ainda mais como vereador. Atualmente, através dos programas sociais do Grupo SBC, realizamos atendimentos de saúde, ações voluntárias nas periferias e na zona rural, além de atividades sociais com a melhor idade. Isso porque entendemos que temos a obrigação de contribuir para levar uma vida mais digna a todos. E isso só é possível fortalecendo esses três pilares: família, saúde e emprego.

Qual será sua bandeira de atuação, para consolidar seu nome para disputar uma cadeira na Câmara Municipal de Mossoró?

Gente que ajuda a gente, esse sou eu! Uma pessoa comum, que veio de baixo, que conquistou o que tem hoje apenas com o trabalho e o apoio da família. Alguém como você que está aí, que não nasceu em berço de ouro, mas que tem os braços calejados e prontos para o trabalho. Pronto para representar essa gente que só quer uma oportunidade para viver uma vida digna e próspera, com mais condições de emprego, renda e saúde.

O que você pode oferecer de novo para os eleitores, que nesse atual momento se sentem tão descrente com a classe política?

Precisamos de mais representantes que tenham uma história de vida de gente como a maioria dos brasileiros, alguém que tenha uma carreira independente da política, com atuação social e que entenda que fazer política não depende apenas de um cargo eletivo.É preciso alguém com coragem para arregaçar as mangas e criar projetos que beneficie as famílias, principalmente as mais carentes. Que precisam do amparo do Estado no tocante a políticas públicas de geração de emprego e renda.

Com você avalia a atuação da vereadora Izabel Montenegro, que preside o seu partido e a CMM?

A Vereadora Izabel Montenegro é uma mulher íntegra e objetiva, que enfrenta com coragem a gestão da Câmara Municipal de Mossoró, onde vem realizando um bom trabalho. Foi por essa confiança, que aceitei o convite para ingressar no seu partido (MDB) e compor a chapa para o pleito eleitoral desse ano.

Como você avaliar o desempenho da administração da prefeita Rosalba Ciarlini, diante de toda esse crise da pandemia?

Mossoró teve a sorte de enfrentar esse momento de pandemia tendo como gestora uma médica, com grande experiência administrativa-política! Graças a essa vivência profissional e política da prefeita Rosalba Ciarlini, não tivemos que enfrentar estrangulamento das vagas de UTI em nosso município. Além disso, a realização da testagem rápida para o público considerado de risco foi outro ponto positivo do enfrentamento ao Covid-19 em Mossoró.

Óbvio, que num Estado como o Rio Grande do Norte, onde o governo não está bem financeiramente, o município sofre. Mas, a prefeita Rosalba Ciarlini está conseguindo conduzir de uma forma a minimizar os impactos da pandemia.

No tocante a retomada econômica é que vamos precisar que o município tenha ações efetivas para ajudar o comércio, os pequenos negócios e o segmento empresarial da cidade, como um todo. E para isso, sem dúvida, ela vai precisar de uma bancada que lute pela criação de leis que estimulem a criação de novos postos de trabalho e voltem a fazer de Mossoró a cidade mais próspera do RN.

Prefeitura compra 200 novos computadores e 50 impressoras para reestruturação da Vigilância em Saúde

Prefeita Rosalba Ciarlini fala sobre investimentos

Foto: Luciano Lelys

A Prefeitura de Mossoró comprou 200 novos computadores completos mais 50 impressoras para melhor estruturar todos os setores da Vigilância em Saúde do Município. Os equipamentos, que foram entregues nesta sexta-feira (31) no Centro Administrativo, serão destinados às Vigilâncias Sanitárias e Ambiental, todas as 47 salas de vacinação das Unidades Básicas de Saúde, salas de vacinação das UPAs, Núcleos de Vigilância Epidemiológica das UPAs, Centro de Controle de Zoonoses (CCZ), Serviço de Verificação de Óbito (SVO), Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) e Centro de Referência em Saúde do Trabalhador (CEREST/Mossoró). Todos os agravos do Município poderão ser melhor monitorados, com informações em tempo rápido ao Ministério da Saúde.

A prefeita Rosalba Ciarlini reforçou que a conquista desses computadores e impressoras vai contribuir diretamente com atendimentos ainda mais rápidos e que está dentro do planejamento do Município de informatização de toda saúde. A Prefeitura de Mossoró investiu R$ 711.350 na compra dos equipamentos. “Esses computadores fazem parte de um plano de informatização da Secretaria de Saúde. Eles vão dar mais agilidade em todos os serviços, facilitando a vida do cidadão, melhorando nossos atendimentos. Teremos informações mais rápidas nos sistemas, inclusive nos interligados com o Ministério da Saúde. Temos uma equipe que vem se dedicando bastante, que sabe da importância desse serviço, em nome da Iranilde Campos eu parabenizo cada um de todos os profissionais que vem se dedicando bravamente.”, afirmou Rosalba.

Ela ainda explicou que os recursos para aquisição dos equipamentos foram oriundos de autuações da Vigilância Sanitária e de alvarás sanitários. Informou ainda que muito em breve a Saúde receberá mais 700 tablets e 300 computadores. “Os recursos para adquirir todos esses equipamentos foram frutos de autuações da Vigilância Sanitária e de alvarás sanitários. Nada mais justo do que investir esses recursos na própria Vigilância em Saúde melhorando nossa Saúde Municipal, voltando todos os benefícios para a população. Não para por aí. Muito em breve vamos receber 700 tablets e cerca de 300 notebooks que vão também às Unidades Básicas de Saúde, tendo serviço mais moderno em benefício da vida.”, disse a prefeita.

A Secretaria de Saúde, Saudade Azevedo, informou que essa é a primeira de duas etapas de informatização da Saúde e que todos os mossoroenses saem ganhando. “É um ganho para o Município. Vamos ter informações em tempo real que nos auxiliarão em ações mais rápidas de enfrentando aos agravos. Essa é a primeira etapa de duas de informatização da Saúde. Muito em breve vamos estar recebendo mais equipamentos. Todos nós ganhamos com isso.”, informou.

A diretora da Vigilância em Saúde, Iranilde Campos, relembrou que no início de 2017 a Vigilância em Saúde estava totalmente desestruturada, desorganizada e com servidores desmotivados. “Encontramos uma Vigilância em Saúde desestruturada, desmotivada, sem instrumento de trabalho para nortear suas ações. Hoje a realidade é totalmente diferente. Os profissionais hoje tem outro perfil. Eles sabem que essa gestão é técnica e que dá respostas positivas à população. É uma vitória pra gente essa conquista desses equipamentos. Estamos super felizes. Temos uma equipe dedicada, esforçada e que gosta de trabalhar.”, explicou Iranilde.

Foto: Luciano Lellys.

Denúncias de assédio moral sobem 20% no governo Bolsonaro

Dados contabilizados pela CGU

O número de denúncias de assédio moral apresentadas por funcionários públicos federais aumentou em quase 20% no primeiro ano do governo. O levantamento é da Folha.

A CGU recebeu 426 denúncias em 2019, contra 356 em 2018, último ano do governo Temer.

De janeiro a julho deste ano já foram 254 denúncias registradas. Se o mesmo número se repetir no 2º semestre, será um novo recorde anual.

Só nos primeiros 18 meses do governo Bolsonaro são 680 denúncias, mais de uma por dia.

A lista é liderada pela Universidade Federal de Goiás (UFG), seguida pela própria CGU. Depois vêm o Ministério dos Direitos Humanos, o MEC, a UFMT e o Ministério da Saúde.

Um dos que se dizem vítimas de assédio moral é o analista ambiental do Ibama José Olímpio Augusto Morelli. Foi ele quem, em janeiro de 2012, multou o então deputado federal Jair Bolsonaro por pesca irregular na Estação Ecológica de Tamoios, região de Angra dos Reis (RJ).

Em março de 2019, terceiro mês do governo Bolsonaro, Morelli foi exonerado de cargo de chefia na Diretoria de Proteção Ambiental.

FGTS emergencial: Caixa libera novos saques para trabalhadores nascidos em junho nesta segunda

Veja o calendário

Caixa Econômica Federal libera nesta segunda-feira (3) o crédito dos novos saques do FGTS para os trabalhadores nascidos em junho. Os pagamentos serão feitos em poupança social digital da Caixa e, em um primeiro momento, os recursos estarão disponíveis apenas para pagamentos e compras por meio de cartão de débito virtual. Nesta etapa, poderão ser pagos até R$ 3,3 bilhões.

O saque em espécie ou transferências, também dos aniversariantes de junho, estão liberados a partir de 3 de outubro (veja o calendário completo mais abaixo). A liberação dos créditos para os nascidos em janeiro começou em 29 de junho, e os saques para esse grupo começaram em 25 de julho.

Essa nova liberação do saque do FGTS se deu em razão da pandemia do novo coronavírus, que afetou as atividades econômicas e a renda dos trabalhadores.

Calendário

Para evitar aglomerações nas agências, a Caixa fixou datas diferentes para a liberação do crédito em conta e para o saque em espécie ou transferência dos valores. O calendário considera o mês de nascimento do trabalhador. Veja as datas a seguir:

Calendário saque emergencial FGTS

Mês de nascimento Crédito em conta Saque ou transferência
Janeiro 29 de junho 25 de julho
Fevereiro 6 de julho 8 de agosto
Março 13 de julho 22 de agosto
Abril 20 de julho 5 de setembro
Maio 27 de julho 19 de setembro
Junho 3 de agosto 3 de outubro
Julho 10 de agosto 17 de outubro
Agosto 24 de agosto 17 de outubro
Setembro 31 de agosto 31 de outubro
Outubro 8 de setembro 31 de outubro
Novembro 14 de setembro 14 de novembro
Dezembro 21 de setembro 14 de novembro

RN registra 51.557 casos confirmados de Covid-19 e 1.879 mortes pela doença

Boletim da Secretaria de Saúde do Estado aponta 102 mortes a mais que no dia anterior

RN registra 51.557 casos confirmados de Covid-19 e 1.879 mortes pela doença — Foto: Divulgação/Geraldo Bubniak/AEN

O Rio Grande do Norte chegou a 51.577 casos confirmados de Covid-19 e 1.879 mortes pela doença. O boletim epidemiológico deste sábado (1º) aponta 102 mortes a mais que no dia anterior, mas a Secretaria Estadual de Saúde Pública explica que número é devido a atraso no envio das informações.

“O alto volume de notificações e confirmações de óbitos no dia de hoje é referente a semanas epidemiológicas anteriores. Um atraso no envio das informações teve reflexo no quantitativo de óbitos reportado hoje pela Sesap em seu boletim de informações para a COVID-19 no estado do RN”, informou a secretaria. Ainda de acordo com a Sesap, nas últimas 24h foram confirmados 4 óbitos.

O RN tem ainda 219 óbitos em investigação, 62.855 casos suspeitos de Covid-19 e 81.364 casos descartados. O número de pacientes recuperados não foi atualizado e segue em 22.901.

O RN tem 401 pessoas internados por causa da Covid-19, sendo 260 na rede pública e 141 na rede privada. A taxa de ocupação dos leitos críticos (semi-intensivo e UTIs) é de 70,72% na rede pública e de 42,48% na rede privada.

O boletim da Sesap aponta que 141.111 testes de coronavírus foram realizados no estado desde o início da pandemia, sendo 63.202 RT-PCR (conhecidos também como Swab) e 77.909 sorológicos.

Números do coronavírus no RN

  • 51.557 casos confirmados
  • 1.879 mortes
  • 22.901 confirmados recuperados
  • 62.855 casos suspeitos
  • 81.364 casos descartado

Fonte: G1/RN

Brasil registra média de 1.017 mortes pelo coronavírus por dia na última semana

Dados apontam 9 estados com aumento de mortes

O consórcio de veículos de imprensa divulgou novo levantamento da situação da pandemia de coronavírus no Brasil a partir de dados das secretarias estaduais de Saúde, consolidados às 20h deste sábado (1).

O país registrou 1.048 mortes pela Covid-19 confirmadas nas últimas 24 horas, chegando ao total de 93.616 óbitosCom isso, a média móvel de novas mortes no Brasil nos últimos 7 dias foi de 1.017 óbitos, uma variação de -4% em relação aos dados registrados em 14 dias.

Em casos confirmados, já são 2.708.876 brasileiros com o novo coronavírus desde o começo da pandemia, 42.578 desses confirmados no último dia. A média móvel de casos foi de 44.635 por dia, uma variação de +34% em relação aos casos registrados em 14 dias.

Brasil, 01 de agosto

  • Total de mortes: 93.616
  • Registro de mortes em 24 horas: 1.048
  • Média de novas mortes nos últimos 7 dias: 1.017 por dia (variação em 14 dias: -4%)
  • Total de casos confirmados: 2.708.876
  • Registro de casos confirmados em 24 horas: 42.578
  • Média de novos casos nos últimos 7 dias: 44.635 por dia (variação em 14 dias: +34%)

(Antes do balanço das 20h, o consórcio divulgou dois boletins parciais, às 8h, com 92.585 mortes e 2.667.241 casos; e às 13h, com 92.789 mortes e 2.675.676 casos confirmados.)

Progressão até 1 de agosto

No total, 9 estados apresentaram alta de mortes: RS, SC, DF, GO, MS, AC, RO, RR e TO.

Estados

  • Subindo: RS, SC, DF, GO, MS, AC, RO, RR e TO
  • Em estabilidade, ou seja, o número de mortes não caiu nem subiu significativamente: PR, MG, RJ, SP, MT, BA, RN e SE
  • Em queda: ES, AM, AP, PA, AL, CE, MA, PB, PE e PI

Fonte: G1

Prefeitura e Caixa realizam na próxima segunda-feira, 03, sorteio das unidades habitacionais entre os contemplados do Residencial Mossoró I

Sorteio será virtual

Na próxima segunda-feira, 03, a Prefeitura de Mossoró e a Caixa Econômica Federal vão realizar o sorteio das 300 unidades habitacionais do Residencial Mossoró I entre as famílias já contempladas com os apartamentos. O sorteio será virtual e divulgado nos canais de comunicação da Prefeitura de Mossoró.

Os moradores do Residencial Mossoró I já tiveram sua documentação aprovada pela Caixa Econômica e agora saberão a localização de seus apartamentos. “No Residencial Mossoró I, nós temos 19 blocos, um com 12 apartamentos e 18 blocos com 16 apartamentos. Esse sorteio irá definir qual será a localização da unidade de cada morador que já teve sua documentação aprovada pela Caixa Econômica dentro dos requisitos que estabelece o Minha Casa Minha Vida”, explicou a secretária de Infraestrutura, Kátia Pinto.

Ainda na segunda-feira a Prefeitura de Mossoró e Caixa Econômica anunciarão as próximas etapas para a entrega do Residencial. “Ainda na segunda-feira, a Caixa, junto com a Prefeitura, vai anunciar a data de vistoria dos apartamentos. E depois das vistorias realizadas, eles irão marcar a data da assinatura do contrato para posterior entrega das unidades habitacionais do Residencial Mossoró I”, falou a secretária.

O Residencial Mossoró está dividido em 3 condomínios: Mossoró I, II e III, somando ao todo 900 apartamentos. O empreendimento está localizado na rua Isaura Rosado, bairro Bela Vista. Cada condomínio possui 300 apartamentos, cada um deles é composto por sala, dois quartos, banheiro, cozinha e área de serviço. O local ainda conta com área de lazer com churrasqueira, cozinha e banheiros acessíveis. Cada apartamento possui uma vaga na garagem.

Facebook diz que bloqueou em todo o mundo contas de bolsonaristas investigados

Medida foi ordenada pelo ministro Alexandre Moraes do STF

O Facebook informou por meio de uma nota divulgada neste sábado (1º) que bloqueou em todo o mundo contas de bolsonaristas investigados, como determinou o ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF).

A determinação de Moraes foi feita dentro do inquérito das fake news, que investiga uma rede de produção de informações falsas e ataques a ministros da Corte. O ministro é o relator.

Moraes ordenou que a rede social bloqueasse não só as contas dos investigados no Brasil, mas também aquelas que estivessem visíveis em outros países.

Num primeiro momento, o Facebook bloqueou somente as contas vistas nacionalmente. Nesta sexta (31), Moraes ampliou a multa e intimou o presidente da empresa no Brasil caso as contas não fossem bloqueadas globalmente.

O Facebook explicou que, diante da ação do ministro, decidiu acatar a ordem, mas ressaltou que vai recorrer.

“A mais recente ordem judicial é extrema, representando riscos à liberdade de expressão fora da jurisdição brasileira e em conflito com leis e jurisdições ao redor do mundo. Devido à ameaça de responsabilização criminal de um funcionário do Facebook Brasil, não tivemos alternativa a não ser cumprir com a ordem de bloqueio global das contas enquanto recorremos ao STF”, afirmou o texto divulgado pela rede social.

No último dia 24, o Twitter e o Facebook retiraram do ar contas de 16 apoiadores e aliados de Jair Bolsonaro. São pessoas citadas no inquérito do STF, supostamente relacionadas à

Caixa abre 16 agências do RN para atender beneficiários do auxílio emergencial neste sábado

Saque do benefício em espécie está disponível para os nascidos em fevereiro de março

Calendário do auxílio emergencial do Governo Federal  — Foto: Ascom/CAIXA

Calendário do auxílio emergencial do Governo Federal — Foto: Ascom/CAIXA

Dezesseis agências da Caixa no Rio Grande do Norte vão abrir neste sábado (1º) para atendimento aos beneficiários do Auxílio Emergencial. O funcionamento será das 8h às 12h. Nascidos em fevereiro e março poderão realizar o saque em espécie do benefício.

Em Natal e região metropolitana abrem as agências Ribeira, Potiguar (Rua João Pessoa), Potengi (Avenida João Medeiros), Ceará-Mirim, Goianinha, Parnamirim, Macaíba, São Gonçalo do Amarante e São José de Mipibu. Abrirão ainda no interior do estado as agências Mossoró, Assú, Caicó, João Câmara, Pau dos Ferros, Currais Novos e Santa Cruz.

A Caixa informa que não é preciso madrugar nas filas à espera de atendimento. Avisa também que todas as pessoas que comparecerem às agências que abrirão neste sábado (1º) serão atendidas no mesmo dia.

Em todo o país, 717 agências estarão abertas. De acordo com a Caixa, a partir deste sábado, 7,4 milhões de beneficiários nascidos em fevereiro e março poderão sacar o benefício nos caixas eletrônicos, lotéricas e correspondentes Caixa Aqui, além de transferir valores para contas da Caixa ou de outros bancos, de acordo com o Ciclo 1 do calendário de pagamentos (veja abaixo).

PARTAGE SHOPPING EM MOSSORÓ REABRE PARA O PÚBLICO NESTE SÁBADO (01)

REABERTURA FOI ANUNCIADA PELA PMM

O Partage shopping em Mossoró, retoma suas atividades presenciais no próximo sábado, primeiro dia do mês de agosto.

Pelo decreto Municipal a reabertura seria no dia 5.

A decisão da antecipação para esse próximo final de semana foi divulgada pela Prefeitura de Mossoró no início da noite de hoje (29)