SESI DO RN FARÁ O PRIMEIRO DRIVE THRU PARA REALIZAÇÃO DE TESTES RÁPIDOS DA COVID-19

MANOEL RIBEIRO DETALHA OPERAÇÃO

Imagem

 

Detran-RN realiza leilão virtual com 229 lotes de veículos e sucatas nesta terça (28)

Disputa acontece a partir das 10h

Veículos ficaram no pátio do Detran e puderam ser visitados por interessados — Foto: Divulgação

O Departamento Estadual de Trânsito do RN (Detran) realiza nesta terça-feira (28) um leilão virtual próxima terça-feira com 229 lotes de veículos e sucatas. O evento acontecerá exclusivamente pela internet (clique AQUI) a partir das 10h. De acordo com o órgão, todos os veículos já receberam lances, mas ainda haverá disputa de preço.

Ao todo, estarão disponíveis 172 automóveis em situação de circulação, incluindo carros e motocicletas. Os outros 57 lotes são destinados à sucata. Os lances iniciais variaram de R$ 100,00 a R$ 10.000,00. Mais de 500 pessoas se cadastraram na plataforma de leilão.

As visita aos lotes ocorreram na sexta-feira (24) e na segunda-feira (27), no pátio do Detran em Natal. Cada interessado precisou realizar previamente um cadastro no site da empresa responsável e cumprir todas as exigências cadastrais com antecedência mínima de 48 horas da abertura da realização do leilão.

Nesta terça (28), só serão recebidos os lances dos participantes que estiverem online e já forem cadastrados no sistema.

Segundo o Detran, os proprietários de veículos apreendidos por mais de 60 dias são notificados caso queiram reclamar, regularizar e retirar o veículo. Mais dúvidas podem ser tiradas através do site www.detran.rn.gov.br, pelos telefones (84) 99865-2897; (84) 3223-4146, (84) 99151-8390(Whatsapp) e pelo e-mail leilaodetranrn@gmail.com.

Fonte: G1/RN

Operação contra facções criminosas cumpre 212 mandados de busca e apreensão e de prisão em Alagoas e mais 10 estados

No total, mais de 1.000 policiais participam da operação Flashback II

Polícia cumpre mandados em bairros de Maceió — Foto: Ascom/SSP

Uma megaoperação policial integrada foi deflagrada na manhã desta quarta-feira (27) para cumprir 110 mandados de prisão em Alagoas e outros sete estados contra integrantes de uma facção criminosa. Até 16h, 81 pessoas tinham sido presas e um dos alvos da operação morreu em confronto com os policiais.

A força-tarefa, denominada como Operação Flash Back, aconteceu simultaneamente nos estados de Alagoas, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, Paraná, Pernambuco, São Paulo, Tocantins e Sergipe.

Segundo informações da Segurança Pública de Alagoas (SSP/AL), a operação policial foi resultado de sete meses de uma investigação que monitora crimes de justiçamento, sequestros, assaltos e tráficos de drogas promovidos por integrantes de um grupo organizado que atua nacionalmente.

“O objetivo do trabalho é combater o principal núcleo da facção criminosa, com base no Mato Grosso do Sul, de onde saem as ordens de justiçamento para todo Brasil, sob comando de um faccionado identificado como ‘Maré Alta’. Segundo as investigações, este indivíduo compõe a atual chefia da facção, que substitui o fundador e chefe, Marcos Willians Camacho, conhecido como ‘Marcola’ que atualmente está preso na Penitenciária Federal de Porto Velho, em Rondônia”, expõe a nota da SSP/AL.

Mossoró contabiliza 173 óbitos por Covid-19

São 4.734 casos confirmados pela Secretaria Estadual de Saúde

A Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap) divulgou no final da tarde desta segunda-feira, 27, o boletim epidemiológico nº 124 com dados consolidados do novo coronavírus nos 167 municípios do Rio Grande do Norte.

De acordo com o mais recente balanço, Mossoró chegou a 4.734 casos confirmados de Covid-19. A Capital do Oeste contabiliza 173 óbitos em decorrência da doença. A cidade tem 11 mortes em investigação e que podem ter sido provocadas pelo vírus e já houve 44 óbitos descartados para a Covid-19.

Ainda segundo o levantamento, são 2.922 casos suspeitos e 5.017 casos descartados. A taxa de notificação de casos suspeitos no município para cada grupo de 100 mil habitantes é de 982,6 e a de incidência de 1.591,9 também para cada 100 mil habitantes. A mortalidade está em 58,2.

NÚMEROS DE MOSSORÓ

2922 casos suspeitos

982,6 taxa de notificação

5017 casos descartados

233 casos ignorados

4734 casos confirmados

1591,9 taxa de incidência

11 óbitos em investigação

44 óbitos descartados

173 óbitos confirmados

58,2 mortalidade

Fonte: Sesap

RN chega a 47.291 casos confirmados e 1.697 mortes por Covid-19

Secretaria Estadual de Saúde informa que outros 190 óbitos são investigados

O Rio Grande do Norte chegou a 47.291 casos confirmados e 1.697 mortes pelo novo coronavírus desde o início da pandemia. Os dados foram atualizados pela Secretaria do Estado de Saúde Pública (Sesap) nesta segunda-feira (27). Outros 190 óbitos seguem em investigação.

No domingo, a pasta não divulga boletim oficial, mas atualizou o número para 47.099 confirmados e 1.678 mortes. Assim, o aumento nas últimas 24 horas foi de 192 casos registrados e 19 óbitos.

Além disso, o boletim atual registra que o RN tem 58.224 casos suspeitos e 73.606 descartados. O número de pacientes recuperados atualmente é de 22.901.

Em relação às internações, atualmente o estado conta com 453 pacientes internados, sendo 304 na rede pública e 148 na rede privada. A taxa de ocupação dos leitos críticos (semi-intensivo e UTIs) é de 67% na rede pública e 49% na rede privada.

O Rio Grande do Norte também já realizou 128.832 testes de coronavírus desde o início da pandemia, sendo 57.497 RT-PCR (conhecidos também como Swab) e 71.335 sorológicos.

Números do coronavírus no RN

  • 47.291 casos confirmados
  • 1.697 mortes
  • 22.901 confirmados recuperados
  • 58.224 casos suspeitos
  • 73.606 casos descartados

 

Brasil tem média de 1.069 mortes por dia na última semana; 10 estados e o DF têm alta de mortes

País conta com 87.679 óbitos

O consórcio de veículos de imprensa divulgou novo levantamento da situação da pandemia de coronavírus no Brasil a partir de dados das secretarias estaduais de Saúde, consolidados às 20h desta segunda-feira (27).

O país registrou 685 mortes pela Covid-19 confirmadas nas últimas 24 horas, chegando ao total de 87.679 óbitos. Com isso, a média móvel de novas mortes no Brasil nos últimos 7 dias foi de 1.061 óbitos, uma variação de 0% em relação aos dados registrados em 14 dias.

Sobre os infectados, já são 2.443.480 brasileiros com o novo coronavírus desde o começo da pandemia, 26.496 desses confirmados no último dia. A média móvel de casos foi de 45.976 por dia, uma variação de 25% em relação aos casos registrados em 14 dias.

No total, 11 estados apresentaram alta de mortes: PR, RS, SC, DF, GO, MS, AP, PA, RO, RR e TO.

Brasil, 27 de julho

  • Total de mortes: 87.679
  • Mortes em 24 horas: 685
  • Média de novas mortes nos últimos 7 dias: 1.061 por dia (variação em 14 dias: 0%)
  • Total de casos confirmados: 2.443.480
  • Casos confirmados em 24 horas: 26.496
  • Média de novos casos nos últimos 7 dias: 45.976 por dia (variação em 14 dias: 25%)

(Antes do balanço das 20h, o consórcio divulgou dois boletins parciais, às 8h, com 87.058 mortes e 2.420.143 casos; e às 13h, com 87.131 mortes e 2.423.798 casos confirmados.)

Estados

  • Subindo: PR, RS, SC, DF, GO, MS, AP, PA, RO, RR e TO.
  • Em estabilidade, ou seja, o número de mortes não caiu nem subiu significativamente: ES, MG, RJ, SP, MT, BA, PB, PI e SE.
  • Em queda: AC, AM, AL, CE, MA, PE e RN.

Essa comparação leva em conta a média de mortes nos últimos 7 dias até a publicação deste balanço em relação à média registrada duas semanas atrás (entenda os critérios usados pelo G1 para analisar as tendências da pandemia).

MORRE CARLOS ESCÓSSIA

ECONOMISTA FALECEU NESTA SEGUNDA-FEIRA

A imagem pode conter: 1 pessoa, close-up

Mais um dia de tristeza e lágria.

Lamento informar o falecimento do amigo, economista Carlos Escóssia.

Mais detalhes, em instantes.

 

Urgente: relator do ‘caso Queiroz’ no STJ é internado para cirurgia de emergência

Félix Fischer teria sofrido estrangulamento de uma hérnia inguinal

O ministro Félix Fischer foi internado há pouco no hospital DF Star, em Brasília, para uma cirurgia de emergência no abdômen. O Antagonista apurou que o procedimento estaria relacionado ao estrangulamento de uma hérnia inguinal.

Fischer é o relator do caso da “rachadinha” de Flávio Bolsonaro no Superior Tribunal de Justiça e estava se preparando para rever a decisão liminar de João Otávio de Noronha, que transferiu Fabrício Queiroz e a esposa para o regime domiciliar.

MDB e DEM deixam o chamado ‘blocão’ na Câmara

Debandada do Centrão

Líderes partidários do MDB e do DEM na Câmara dos Deputados informaram nesta segunda-feira (27) que as bancadas vão deixar o chamado “blocão” de 221 parlamentares comandado pelo líder do Progressistas, Arthur Lira (AL).

Lira é também o principal articulador do Centrão – grupo informal de partidos que, recentemente, passou a integrar a base do governo na Câmara.

“Vamos seguir carreiras autônomas. Posicionamento regimental, requerimentos, urgência, uma burocracia que não fazia mais sentido. Impacto sobre sucessão é um efeito colateral, não causa. Só trataremos disso depois das eleições municipais”, afirmou Efraim Filho (PB), líder do DEM.

A “sucessão” citada por Efraim Filho é a eleição para a presidência da Câmara, no início do ano que vem.

Arthur Lira vem se aproximando do governo e é considerado um “líder informal” do Planalto na Casa.

As legendas já calculam o impacto de decisões desse tipo na sucessão do posto, atualmente ocupado por Rodrigo Maia (DEM-RJ).

Oficialmente, os partidos argumentam que o “blocão” foi formado para garantir o comando da Comissão Mista de Orçamento e que o objetivo já foi alcançado.

Nos bastidores, líderes admitem que estavam incomodados com o poder concentrado por Lira na hora das votações e na negociação com o governo.

Mossoró está há 16 dias com leitos disponíveis para pacientes com COVID-19; são 21 vagas de UTI

Dados divulgados nesta segunda-feira (27)

Mossoró segue com leitos disponíveis para o enfrentamento à COVID-19.De acordo com o sistema Regula RN, estão liberados no total 35 leitos, sendo 14 de enfermaria e 21 de Unidades de Terapia Intensiva (UTIs).

O Regula RN é o sistema responsável pela regulação de leitos para pacientes com o novo coronavírus, no Rio Grande do Norte.

No sistema constam 31 leitos clínicos ocupados e nenhum bloqueado. Nos leitos de UTIs, 42 estão ocupados e nenhum bloqueado.

O número de leitos disponíveis é atualizado com frequência, podendo sofrer alterações no decorrer do dia.

Dos 31 leitos clínicos ocupados, 14 são de Mossoró e os demais de Assu (8), Augusto Severo (2), Carnaubais (2), Angicos (1), Tenente Ananias (1), Janduis (1), Areia Branca (1) e Itajá (1). Nos leitos de UTI, 20 são de Mossoró, os outros das cidades de Assu (07), Baraúna (2), Governador Dix-Sept Rosado (1), Tibau (1), Natal (1), Apodi (1), Jose da Penha (1), Ipanguaçu (1), Pendencias (1), Upanema (1), Pau dos Ferros (1), Baraúna (1), Lajes (1), Augusto Severo (1) e Alto do Rodrigues (1).

OCUPAÇÃO DE LEITOS HOSPITALARES COVID-19 (27/07/2020)

Leitos Ocupados: 73 (31 leitos clínicos + 42 UTI)

Leitos Bloqueados: 0

Leitos disponíveis: 35 (14 leitos Clínicos e 21 leitos de UTI)