TIÃO COUTO E JORGE DO ROSÁRIO REBATEM NOTÍCIAS SOBRE POSSÍVEL INELEGIBILIDADE

EMPRESÁRIOS EMITEM NOTA OFICIAL SOBRE SITUAÇÃO JURÍDICA 

Os empresários Tião Couto e Jorge do Rosário se posicionaram sobre notícias a respeito da possibilidade de se tornarem inelegíveis em face de pendências jurídicas na prestação de contas de suas respectivas campanhas para prefeito e vice de Mossoró, nas eleições municipais de 2016.

Confira a posição de Tião e Jorge:

Resultado de imagem para Tião Couto e Jorge do Rosário

NOTA DE ESCLARECIMENTO

Tião Couto e Jorge do Rosário vem por meio desta repudiar a tentativa de manipular a opinião pública com notícias desencontradas acerca do processo judicial que tramita na 33ª zona eleitoral, tendo como autores a prefeita do município e sua coligação partidária, questionando a prestação de contas da campanha de Tião e Jorge.

Trata-se tão somente do inconformismo do grupo político da prefeita que teve suas contas de campanha de 2016 desaprovadas pela justiça eleitoral – decisão que não cabe mais recurso – e que tenta atrair para o mesmo noticiário negativo aqueles que tiveram suas contas devidamente aprovadas.

A ação ora em questão, completamente desnudada de provas, teve pedido dos advogados da prefeita para quebra dos sigilos bancário e fiscal de Tião e Jorge e de suas empresas, no intuito de descobrir algo que venha a dar sustentação ao fraco conteúdo acusatório dos autores. O Ministério Público, cumprindo seu papel, manifestou-se favorável, assim como o faz corriqueiramente em pedidos semelhantes.

Tião e Jorge acreditam que o juiz não concederá tal pedido, uma vez que a insuficiência de provas não enseja que tal medida desproporcional seja adotada.

A manipulação da notícia por parte dos autores da ação é tão evidente que chega ao absurdo de determinado blog postar entre suas manchetes a de que “ EMPRESÁRIO TEVE SIGILO BANCÁRIO E FISCAL QUEBRADOS PELA JUSTIÇA”, quando não existe nenhuma decisão judicial a respeito e na verdade se tratou apenas de uma tentativa apressada em dar falsa publicidade a atos do  Judiciário que não existiram.

Emissoras de rádios, jornais e blogs,  talvez influenciados pelo poderio econômico da Prefeitura Municipal de Mossoró,  trataram de desinformar a população com notícias apressadas e equivocadas, manipulando o conteúdo para criar na opinião pública uma condenação precoce.

Ao que parece, o grupo político que faz uso de tal expediente deve estar muito incomodado com algum dado político recente que lhe chegou as mãos, face as tentativas frequentes de macular o nome de quem tem pautado suas vidas pela honestidade dos seus atos e firmeza nos seus valores.

Tião e Jorge pedem a todos que estão tendo conhecimento do assunto, que não embarquem nas conclusões precipitadas de quem tenta manipular para esse fim, que aguardem o trâmite da ação judicial, pois existe não apenas a confiança, mas a convicção que no final de tudo, a verdade triunfará e o mal será derrotado.

Tião Couto e Jorge do Rosário

Email this to someoneShare on Facebook0Tweet about this on TwitterPin on Pinterest0Share on Google+0

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

10 − 4 =