Category Archives: Artigos

MICHEL TEMER FEZ O QUE SILAS MALAFAIA E OUTROS PASTORES DEVERIAM TER FEITO

BOLSONARO SE DESMORALIZA E DESMORALIZA OS LÍDERES EVANGÉLICOS QUE VINHAM PREGANDO GUERRA CONTRA O STF

POR CARLOS SKARLACK

Houve um evangelista, renomado, nos Estados Unidos, o saudoso Billy Grahan, que foi conselheiro de vários presidentes americanos. Democratas e Republicanos.

Todavia, não se têm história de que ele aconselhava que os presidentes que o ouviam, vivessem em guerra pública contra alvos escolhidos previamente.

A propósito, depois de atacar de forma virulenta o STF, em atos realizados no dia 7, o presidente do Brasil, Jair Bolsonaro, hoje, assina uma nota em que escreve, que não disse o que disse contra o STF, e, em especial contra o ministro Alexandre de Moraes.

E, a imprensa nacional revela que a nota teria sido assinada por Bolsonaro, depois de telefonar para o ministro, se desculpando.

Ao declarar, em público, e mais de uma vez, no dia 7, impropérios contra o STF, e hoje, declarar que não declarou o que declarou, Bolsonaro não se desmoraliza sozinho.

Sim, Bolsonaro desmoraliza, igualmnte, Silas Malafaia e vários outros líderes evangélicos que a exemplo do presidente da República vinham destilando impropérios contra Alexandre de Moraes e contra o STF.

Que os líderes de algumas igrejas evangélicas, ao menos, aprendam essa lidação.

Acordei com uma baita vontade de votar em Sergio Moro (de novo)

Eu já disse alguns meses atrás: sou o porta-bandeira do terceiro bloco”

Por Diogo Mainardi 

O golpe que está sendo tramado pelos quadrilheiros do Congresso Nacional para cassar os direitos de Sergio Moro estimulou-me a reproduzir uma coluna que publiquei na Crusoé, em 24 de maio:

“Acordei com uma baita vontade de votar em Sergio Moro. Neste momento, ele nem pensa em se candidatar a presidente da República. Está no ostracismo, em Washington, empenhado unicamente em fazer direito o trabalho na empresa que o contratou. Como ele nunca roubou, tem de ralar para se sustentar. Só aparece aqui de duas em duas semanas, com suas colunas na Crusoé.

ROSALBA LAMENTA MORTE DE JÚNIOR ESCÓSSIA

EX-PREFEITA SE SOLIDARIZA COM FAMÍLIA DO EX-VEREADOR

“Quero deixar meus pêsames e solidariedade à todos os amigos e familiares próximos a Júnior Escóssia, infelizmente mais uma vítima da Covid-19 em Mossoró. Querido amigo de muitos irmãos mossoroenses, foi vereador por várias oportunidades, presidente da Câmara Municipal de 2004 a 2008 e dirigente do Baraúnas e do Lions Clube de Mossoró. Que Deus conforte Nildinha, sua vida spousal. Seus filhos nesse momento. O exemplo de amizade e carinho de Júnior permanecerá vivo em todos nós”.

Rosalba Ciarlini

JÓRIO NOGUEIRA SE SOLIDARIZA COM FAMÍLIA DE JÚNIOR ESCÓSSIA

NOTA

É com profundo pesar que lamento o falecimento do ex-vereador e ex-presidente da Câmara Municipal de Mossoró, Júnior Escóssia, no início da tarde deste sábado, 22 de maio.

Me solidarizo à dor dos familiares e amigos neste momento de perda.

Jório Nogueira

MORTE DE COVAS

REPERCUSSÃO

A morte do prefeito de São Paulo, repercute:

RODRIGO PACHECO – PRESIDENTE DO SENADO

“Com muita tristeza recebo, neste domingo (16), a notícia do falecimento do prefeito de São Paulo, Bruno Covas, 41 anos, que lutava incansavelmente contra um câncer. Bruno Covas era, sem dúvida, um dos maiores quadros da nossa geração, representante dos ideais da social democracia, valores defendidos pelo seu partido, o PSDB, que teve entre os fundadores o seu avô, Mário Covas.

ARTUR LIRA -PRESIDENTE DA CÂMARA FEDERAL

“Lamento profundamente o falecimento do prefeito de São Paulo, Bruno Covas, um jovem talento não política, que travou com coragem e otimismo uma árdua batalha”.

JOÃO DÓRIA – GOVERNADOR DE SÃO PAULO

“Obrigado, Bruno Covas, por ter compartilado, com todos nós, tanto carinho e dedicação. À Renata e ao Pedro, seus pais, ao Gustavo, seu filho, seu afeto nesse momento doloroso em que a natureza subverte o curso da vida. São Paulo terá sempre muito orgulho desse filho querido”.

 

(RE) TWITTANDO

LAIRE ROSADO – MÉDICO

“Caso você seja uma das pessoas insatisfeitas com as medidas de restrição adotadas pelos governos, e pretenda infringi-las, não esqueça a possibilidade de precisar de internação hospitalar e ser surpreendido  com a falta de oxigênio para salvar vida”.

Fonte: Twitter

 

 

ESPAÇO DO GIVVA

OPINIÃO

POR GIVANILDO SILVA

COMPANHEIROS

Os petistas, de agora em diante, deverão deixar de falar em impeachment.
É que, na sua mais recente entrevista, Lula foi claro – “obviamente axiomático” -, ao consentir que para continuar a existir, é preciso que também exista Bolsonaro.

BELEZA

De riba dos meus 66 anos idade, finalmente, fiz descoberta científica.
Que a cambulhada inveja o Belo. Porque o menino é excelente na cantada, tem o bico penetrante, afiado. E, por isso mesmo, para não estragar a voz, só come coisa boa.

REAL 

O deputado Daniel Silveira, pelo visto, não terá direito, sequer, de voltar a Brasília para pegar as tralhas.
Ficam o exemplo e a certeza de que engolir corda é coisa de cacimbão. O jeito é engolir sapo, embora afoloze a boca do estômago.

COLETIVAS 

Quando se acabar a pandemia, a Deus querer irá passar, certamente, só vou sentir saudade de uma coisa.
Das arrastadas coletivas de João Dória e do presidente do Butantan, ambos dignos de satã.

Cúpula da Câmara discute prisão de Silveira, teme abrir precedentes, mas quer evitar ‘afronta’ ao STF

Polêmica mobiliza deputados federais

POR ANDRÉIA SADI

G1

Deputados que integram a cúpula da Câmara dos Deputados passaram a noite discutindo a prisão do deputado Daniel Silveira por determinação do ministro Alexandre Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF).

Nos bastidores, segundo o blog apurou, existe uma “preocupação” dos deputados em “proteger” a Casa ao não abrir precedentes para futuros casos de prisão de deputados decididas pelo Judiciário. Mas, ao mesmo tempo, os deputados não querem “afrontar” o Supremo Tribunal Federal, muito menos por causa de um deputado que, nas palavras de um líder que participa das negociações, “vive de atacar a democracia”.

Na avaliação de parlamentares da base governista, Silveira vem provocando o STF há algum tempo e, se a Corte decidir por unanimidade manter a prisão do deputado, ficará mais difícil para os deputados contrariarem uma decisão da maioria dos ministros do Supremo. Desta forma, avaliam deputados, ao invés de circunscrever a crise a um parlamentar, a “briga” passará a ser da Câmara contra o STF.

A Mesa da Câmara vai se reunir nesta tarde. Entre os líderes partidários, a expectativa é de que outros ministros do STF referendem a decisão do ministro Moraes. Avaliam que ele não teria tomado uma medida desse porte sem costurar com seus pares, para avaliação de todos posteriormente.

No Planalto, a ordem é não se envolver com a defesa de Silveira. Apesar de aliado de primeira hora do presidente Bolsonaro (sem partido), o deputado não conta, pelo menos até aqui, com nenhuma defesa pública do presidente nem de seus ministros. Motivo: o governo quer distância de brigas com STF e busca aproximação com ministros da Corte desde o ano passado.

ESPAÇO DO GIVVA

OPINIÃO

POR GIVANILDO SILVA

MONEY

Recebo informação de que, sábado agora (13), já vai cair o salário de fevereiro na conta de grande parte dos barnabés do Estado do Rio Grande do Norte.
Mais de duzentos milhões de reais injetados no meio circulante, sacudindo a economia potiguar, porque a corrente favorecida pelo desembolso não é pequena, indo do pequeno vendedor de frutas e verduras ao dono da loja de automóveis.
E é com a visão macro que a nobre governadora Fátima Bezerra está fazendo a diferença entre os pares, nesse tempo de agonia, de sentimento aflitivo intenso.

ZONA  

Deu na imprensa que o TRE do Rio Grande do Norte implementou a Primeira Zona Eleitoral Criminal.
A distinta serve mesmo para quê?
Do que o setor precisa, na verdade, é de reforma estrutural e não de novo berloque a deixá-lo, ainda mais, embananado.
Haja paciência!
DOIS 
O Arnaldo Jabot, dublê de comentarista e tucano militante, está irreconhecível.
A quarentena da pandemia tem sido impiedosa com figuras televisivas.
À exceção de Ana Maria Braga, mulher bela que não para de ficar bonita.

ESPAÇO DO GIVVA

OPINIÃO

POR GIVANILDO SILVA

Givanildo Silva é radialista-jornalista-advogado

Considerando-se que o município de Mossoró, recentemente, habilitou-se junto ao Tesouro Nacional para captar financiamento de 150 milhões de reais, na Caixa Econômica Federal, a calamidade financeira e administrativa decretada pela atual administração somente se justifica sob um aspecto.
Previsão de tempos vindouros sombrios, no que não estaria errada, pois, com cerca de vinte milhões de desempregados perambulando pelas ruas das cidades, com o governo federal sem caixa e a incerteza em face da covid-19, a perspectiva é de um 21 de sabor ardido.
No entanto, a proposta, que depende de aval da Assembleia Legislativa, pode carecer de pressupostos que a embasem.
Em 07.01.20