STF decide que estados e municípios podem restringir cultos e missas não pandemia

Plenário julgou pedido do PSD

Por 9 votos a 2, o STF decidiu nesta quinta-feira (8) que estados e municípios podem impor restrições à celebrações reliosas presenciais, como cultos e missas, em templos e igrejas durante apandemia.

Os ministros julgaram uma ação do PSD.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

treze + 10 =