Category Archives: Notícias

Entrevista: Alvo Fernandes

Presidente da OAB de Mossoró fala sobre aprovação de Reforma Tributária conforme proposta da entidade

 

Aldo Fernandes fala sobre luta da OAB em torno do Projeto de Lei de Reforma Tributária – Foto e imagém: iPad Skarlack

Durante a sessão extraordinária da Câmara Municipal de Mossoró, nesta quarta-feira, 24, os vereadores também aprovaram Projeto de Lei que dispõe sobre Reforma Tributária.

O presidente da OAB de Mossoró, Aldo Fernandes, comemora a aprovação do Projeto que segue o que a entidade vinha defendendo, juntamente com outras categorias.

Veja a entrevista:

Câmara Municipal aprova Projeto de Lei sobre reversão de posse do terreno do Nogueirão

Com aprovação da projeto o Estádio Leonardo Nogueira passa a ser controlado pela Prefeitura de Mossoró

A Câmara Municipal de Mossoró aprovou na manhã desta quarta-feira, 24, em sessão extraordinária, o Projeto de Lei do Executivo que trata a reversão de posse do terreno onde está construído o Estádio Professor Manoel Leonardo Nogueira, o Nogueirão. Com este processo, o local agora fica sob responsabilidade da Prefeitura Municipal, que assume as dívidas cartoriais e não fica obrigada a indenizar as benfeitorias feitas no local.

Com a municipalização aprovada, a próxima medida é lavrar a escritura pública de reversão e logo depois, o Município toma as medidas para a destinação adequada ao bem público. Ainda não está definido o que será feito, mas entre essas medidas está a possibilidade de permuta ou parceria público-privada para construção de um novo estádio, ou até mesmo a total reforma.

O Nogueirão foi construído e inaugurado na década de 1960, desde então foi o principal e único estádio de Mossoró. Inicialmente, o ambiente tinha capacidade para 25 mil espectadores, mas hoje a capacidade não chega nem a seis mil.

No dia 25 de janeiro do próximo ano, o Estádio Nogueirão deve sediar o seu primeiro jogo de futebol da temporada 2015. O time do Baraúnas recebe o Globo de Ceará-Mirim no local, pela rodada de estreia do Campeonato Estadual de futebol.

Câmara Municipal aprova municipalização do Estádio Nogueirão

Municipalização do Nogueirão terá que passar por nova aprovação dos vereadores caso seja proposta permuta

A Câmara Municipal de Mossoró aprovou projeto do Executivo que dispõe sobre a municipalização do Estádio Leonardo Nogueira.

A aprovação aconteceu em sessão extraordinária que acontece nesta quarta-feira, 24.

Novos projetos polêmicos ainda estão em pauta.

Mais detalhes em instantes.

Rosalba deixará “bomba” para governador Robinson Faria

Unificiação de Fundos Previdenciário e Financeiro que foi proposto por Rosalba será auditado pelo Ministério da Previdência 

Início de gestão tumultuado para o governador eleito Robinson Faria (PSD).

Ontem (23), o Ministério da Previdência Social (MPS) confirmou que vai realizar auditoria na Lei nº 526 que unificou os Fundos Previdenciário e Financeiro do Rio Grande do Norte.

A fiscalização terá início em janeiro.

O Estado deve perder o Certificado de Regularidade Previdenciária (CRP) e ficar impedido de receber transferências do Governo Federal em convênios.

Confira mais detalhes no jornal Tribuna do Norte desta quarta-feira.

Prefeito de Mossoró comemora escolha da Gilberto Kassab para ministério de Dilma

Francisco José Júnior desstaca que havia previsto que ex-prefeito de São Paulo poderia ser ministro 

Com Kassab

O prefeito de Mossoró, Francisco José Júnior (PSD), mesmo cumprindo período de férias, comemorou a indicação do ex-prefeito de São Paulo e presidente nacional de seu partido, Gilberto Kassab, para o ministério da presidente Dilma Rousseff.

O presidente nacional do PSD e ex-prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab, foi indicado para o Ministério das Cidades nesta terça-feira, 23.

Em novembro, o prefeito de Mossoró tinha comentado que, em se concretizando este convite, Mossoró ganharia muito com isso.

O prefeito explica que “em momento algum afirmou que Kassab seria ministro”. Teria apenas comentado sobre a possibilidade que já estava estampada na grande mídia.

Portanto, estão valendo as expectativas do prefeito Francisco José Júnior que amplia a linha de apoios desde o Rio Grande do Norte até Brasília.

SECRETÁRIO – O prefeito de Mossoró indicou o Secretário de Recursos Hídricos do Estado, Mairton França, que é seu atual secretário de Desenvolvimento Econômico. O anúncio de Mairton, pelo governador Robinson Faria aconteceu também nesta terça-feira, 22.

Dessa forma, com apoio do governador Robinson Faria (PSD), dos deputados, estadual Galeno Torquato (PSD), dos federais Fábio Faria (PSD) e Beto Rosado (PP), da senadora Fátima Bezerra (PT) e agora do ministro Gilberto Kassab, Francisco José Júnior abre portas para ampliar, ainda mais, o seu trabalho por Mossoró e região.

Reforma ministerial

Dilma anuncia ‘pacotão’ de ministros: Jaques Wagner vai para a Defesa e Cid Gomes para Educação

Jaques Wagner, Ricardo Berzoini, Cid Gomes e Eduardo Braga

A nove dias da posse, a presidente Dilma Rousseff anunciou nesta terça-feira uma lista dos novos ministros que vão compor o alto escalão do governo em seu segundo mandato. O governador da Bahia, Jaques Wagner (PT), será o novo ministro da Defesa e o governador do Ceará, Cid Gomes (Pros), assumirá a Educação.

Leia também: Joaquim Barbosa critica Dilma no Twitter: ‘Que degradação institucional!’
Agora, Dilma admite adotar “medidas drásticas” na economia

Dilma divulgou ainda a lista com nomes da chamada “cota do PMDB” na Esplanada. Como esperado, a senadora Kátia Abreu (TO) irá para o Ministério da Agricultura. O Ministério de Minas e Energia, no centro da Operação Lava Jato, também sofreu mudanças – mas continuará sob o comando partido. O senador Eduardo Braga, derrotado nestas eleições ao governo do Amazonas, substituirá o ministro Edison Lobão, citado no esquema de corrupção. Horas antes do anúncio da nova equipe, Lobão confirmou que deixaria a pasta, mas ponderou que “não deve nada”. E classificou o petrolão como uma “crise circunstancial”.

O deputado federal Eliseu Padilha (PMDB-RS) assumirá a Secretaria de Aviação Civil no lugar de Moreira Franco. Filho do senador Jader Barbalho, Helder Barbalho (PMDB) ganhará o Ministério da Pesca após ter sido derrotado na disputa ao governo do Pará. Vinícius Lage, afilhado do presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), continua no Turismo, conforme anúncio desta terça-feira.

A acomodação dos aliados peemedebistas se dá um mês após Dilma anunciar a equipe econômica de seu novo governo. Com a demora na definição do loteamento do ministério, deputados e senadores da base chegaram a pressionar o governo e esvaziaram a sessão que votaria a flexibilização do superávit fiscal deste ano. No entanto, após se reunirem com Dilma, o texto foi aprovado. O PMDB, principal aliado do Planalto, porém, aumentou a fatura: pediu seis ministérios, um a mais do que a cota atual.

Dilma também acomodou na Esplanada aliados de outros partidos. Assim como Cid Gomes, que se aproximou de Dilma ao se posicionar contra o rompimento do PSB com o governo federal, Gilberto Kassab, do PSD, ficará com o Ministério das Cidades. Aldo Rebelo (PCdoB), hoje no Esporte, ficará com a pasta de Ciência e Tecnologia.

Confira a lista completa de nomeados:

Aldo Rebelo (Ciência Tecnologia e Inovação);
Cid Gomes (Educação);
Edinho Araújo (Secretaria de Portos);
Eduardo Braga (Minas e Energia);
Eliseu Padilha (Secretaria de Aviação Civil).
George Hilton (Esporte);
Gilberto Kassab (Cidades);
Helder Barbalho (Secretaria de Aquicultura e Pesca);
Jacques Wagner (Defesa);
Kátia Abreu (Ministério da Agricultura, Pecuária  e Abastecimento);
Nilma Lino Gomes (Secretaria de Políticas de Promoção da Igualdade Racial);
Valdir Simão (Controladoria Geral da União)
Vinicius Lajes (Turismo)

Fonte: www.veja.com.br

Robinson Faria confirma nome de Mairton França como secretário

Indicado pelo prefeito de Mossoró Francisco José Júnior, nomeação de novo secretário foi antecipada pelo blog

Mairton França

Como diria o jornalista Canindé Queiroz:

– Quando eu disser que o burro morreu, pode enterrar a cangalha.

No dia 12 este blog noticiou que o atual secretário municipal de Desenvolvimento Econômico e Trabalho de Mossoró, |Mairton França, seria anunciado como secretário estadual dos Recursos Hídricos.

Nesta terça-feira, 23, o governador Robinson Faria confirmou a notícia, quando divulgou a relação do primeiro escalão de sua gestão.

Aqui é prego batido e ponta virada.

Parabéns, Mairton França e sucesso na nova empreitada.

Larissa Rosado é recebida por reitor e vice da UERN

Emendas de Larissa viram equipamentos e livros para Uern

Deputada Larissa reitera à reitoria apoio à Uern - 23 12 14 - Joyce Moura

A Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (Uern) recebeu, hoje (23), equipamentos para acessibilidade e livros, comprados com emendas da deputada estadual Larissa Rosado (PSB), ao Orçamento Geral do Estado (OGE).

São R$ 410 mil para 16 itens, entre os quais elevador e plataforma para passageiros, e R$ 50 mil para reforçar o acervo da biblioteca. Na entrega, na Reitoria, o reitor Pedro Fernandes agradeceu a atenção de Larissa com a Uern.

“Quero reconhecer a grandiosidade do gesto da senhora, destinando mais esses recursos para tornar a universidade acessível. Essa parceria é contínua, e a Uern tem feito bom uso das emendas destinadas pelo seu mandato”, elogiou.

Acessibilidade

A Uern possui 60 alunos especiais, segundo a Diretoria de Assistência à Inclusão. Em 2013, a Assembleia Legislativa reservou 5% do total de vagas para portadores de deficiência. E, no PSV 2015, há uma semana, concorreram 55.

Os equipamentos viabilizados pela deputada atenderão diversas necessidades. “A Uern sempre teve nossa atenção especial. E meu compromisso com a universidade vai seguir, independentemente de mandato”, assegura Larissa.

Betinho Rosado se despede da Câmara Federal com festa

Deputado federal comemora aniversário com familiares e assessores

Betinho Rosado ganha festa de sua família e da equipe de assessores – Foto: Assessoria

 

Henrique Alves pede a Temer para não ser incluído no Ministério

Cotado para a Esplanada, ele foi citado em depoimento da Lava Jato
Em nota, chamou de ‘absurda’ menção em delação premiada

Henrique fora

O presidente da Câmara dos Deputados, Henrique Eduardo Alves (PMDB-RN), divulgou nota nesta terça-feira (23) informando que pediu ao vice-presidente da República, Michel Temer, para que o seu nome não seja considerado para ocupar algum ministério no segundo mandato da presidente Dilma Rousseff. Alves estava entre os cotados para ocupar uma das pastas indicadas pelo PMDB.

Segundo a nota, ele quer antes que seja esclarecida a citação ao seu nome feita pelo ex-diretor da Petrobras Paulo Roberto Costa em uma lista de políticos que supostamente teriam se beneficiado do esquema de corrupção na estatal.

Segundo reportagem publicada na edição desta sexta-feira (19) do jornal “O Estado de S. Paulo”, 28 políticos foram citados por Costa. Além de Alves, foram mencionados ministro de Minas e Energia, Edison Lobão; os ex-ministros Antonio Palocci (Fazenda e Casa Civil), Gleisi Hoffmann (Casa Civil) e Mário Negromonte (Cidades); o governador do Acre, Tião Viana (PT); os ex-governadores Sérgio Cabral (Rio) e Eduardo Campos (Pernambuco), além de deputados e senadores de PT, PMDB, PSDB e PP. Todos negam o envolvimento.

Leia a íntegra da nota:
“Henrique Eduardo Alves vai cumprir mandato na íntegra

O Presidente da Câmara dos Deputados, Henrique Eduardo Alves, pediu ao Vice-presidente da República, Michel Temer, que não considerasse o seu nome entre os incluídos pelo PMDB para compor o honroso novo ministério porque faz questão que seja esclarecida a citação absurda envolvendo o seu nome.

O deputado Henrique Alves vai concluir sua gestão na presidência da Câmara até o término do mandato.”