ROSALBA E JORGE RECEBEM APOIO DO DEPUTADO GIRÃO

PARLAMENTAR ANUNCIOU APOIO NESTE DOMINGO

POR GIVANILDO SILVA

O deputado federal, General Girão anunciou que passa a apoiar a chapa Rosalba/Jorge.

O anúncio foi feito através de vídeo:

Rio Grande do Norte terá maior número de cidades beneficiadas pelo ramal Apodi/Salgado

Ministro Rogério Marinho anuncia projeto

O Governo Federal segue com os esforços para estimular o desenvolvimento do Norte, Nordeste e Centro-Oeste. O ministro do Desenvolvimento Regional, Rogério Marinho, anunciou nesta sexta-feira, 16, a abertura do processo licitatório para a construção do Ramal do Apodi/Salgado, que levará as águas do Eixo Norte do Projeto de Integração do Rio São Francisco para municípios do Ceará, da Paraíba e do Rio Grande do Norte.

Marinho também apresentou três Medidas Provisórias que vão fomentar a atividade econômica nessas regiões ao possibilitar a atração de investimentos privados para projetos de infraestrutura e a renegociação de dívidas de empreendedores com os fundos constitucionais e de investimento sob responsabilidade da Pasta.

“O Governo Federal está atuando para fortalecer o crescimento econômico e social nessas regiões, que a própria Constituição coloca como prioritárias”, destaca Marinho. “O Ramal do Apodi/Salgado é a última etapa do Projeto de Integração do Rio São Francisco, que vai permitir que milhares de nordestinos tenham acesso à água, um bem tão valioso, especialmente para o povo que reside no semiárido. Também temos a meta de aumentar a capacidade de atração de investimentos para o Norte, o Nordeste e o Centro-Oeste por meio de mudanças nos Fundos, que são instrumentos importantíssimos para que possamos alcançar os objetivos traçados”, completa.

 

Ramal do Apodi/Salgado

Orçado em R$ 1,77 bilhão, o Ramal do Apodi/Salgado é etapa final do Projeto de Integração do Rio São Francisco e terá 115,3 quilômetros de extensão. Nesta primeira etapa, será realizada a licitação para contratação de empresa que executará as obras civis. A previsão é que a estrutura seja construída em quatro anos a partir da assinatura da ordem de serviço. Ao todo, 750 mil pessoas em 48 cidades serão beneficiadas.

A água será transportada por gravidade a partir do Reservatório Caiçara, na Paraíba, até o Reservatório Angicos, já no Rio Grande do Norte. A vazão será de 40 m³ por segundo até o quilômetro 26, de onde deriva o Ramal do Salgado, que levará as águas para o estado do Ceará. Após essa derivação, a vazão será de 20 m³ por segundo. Toda a infraestrutura contará ainda com três áreas de controle, 23 trechos de canais, com extensão de 96,7 quilômetros, sete aquedutos, oito rápidos e um túnel.

O Rio Grande do Norte será o estado com maior quantidade de municípios beneficiados pelas águas do ‘Velho Chico’ transportadas pelo Ramal: 32, com população estimada em 478 mil pessoas. A porta de entrada do recurso hídrico será a cidade de Major Sales, de onde será transportado para o Rio Apodi, que banha Mossoró, segunda maior municipalidade do estado e importante polo regional do Nordeste.

Polícia Civil conclui que ex-candidato a prefeito no RN simulou próprio sequestro

João Venâncio (PT), de 73 anos havia desaparecido em setembro

João Venâncio, de 73 anos, mentiu sobre suposto sequestro — Foto: Arquivo pessoal

As investigações sobre o desaparecimento do então pré-candidato a prefeito de Antônio Martins, João Venâncio Ferreira (PT), chegaram à conclusão de que ele fingiu o próprio sequestro. A Polícia Civil do Rio Grande do Norte encontrou evidências que contradizem o depoimento do advogado e ex-candidato, que tem 73 anos.

Uma das principais provas é um vídeo que mostra o político descendo do carro de um sobrinho na cidade de Pereiro, no Ceará, onde ele foi encontrado após passar três dias sumido (veja abaixo).

Polícia Civil conclui que ex-candidato a prefeito no RN simulou próprio sequestro

Segundo o delegado Aroldo Sales Chaves Júnior, que investiga o caso, o desaparecimento não se deu em decorrência de um sequestro: ele foi por vontade própria para a casa de uma irmã na cidade de Milhã, também no Ceará.

“Confrontamos ele (João Venâncio) com as imagens e, diante do fato, ele confessou que realmente tinha criado toda a história. Ele afirma que entrou em uma crise de pânico e queria só se esconder na casa da irmã, que não fez com a intenção de causar um clamor para se beneficiar na questão política”, declarou o delegado.

Investigação

Segundo a polícia, João Venâncio saiu de casa em Antônio Martins, no Alto Oeste potiguar, por volta das 12h do dia 23 de setembro. Ele ligou para um sobrinho e pediu para levá-lo a Pau dos Ferros, onde faria o registro da candidatura. No meio do caminho, na BR-226, na altura do município de Serrinha dos Pintos, o candidato desceu da própria caminhonete e entrou no veículo do sobrinho. A caminhonete foi achada abandonada na estrada. Foi a partir daí que as buscas começaram e a família ficou aflita.

João Venâncio seguiu para Milhã, onde permaneceu na casa da irmã até o dia 25, quando pediu para que outro sobrinho o levasse de volta para Antônio Martins. No retorno ao Rio Grande do Norte, ele parou na cidade de Pereiro, descendo do carro por vontade própria, em momento registrado por câmeras de segurança. Na ocasião, o ex-candidato foi ao destacamento da Polícia Militar da cidade, onde relatou o suposto sequestro. A Polícia Civil de Alexandria foi procurada e realizou o resgate.

ROSALBA E JORGE COMANDAM A MAIOR CARREATA DA ATUAL CAMPANHA

PREFEITA E CANDIDATA À REELEIÇÃO É OVACIONADA PELA POPULAÇÃO

A prefeita de Mossoró e candidata à reeleição, Rosalba Ciarlini (PP), ao lado de seu vice, o empresário do Rosário comandou a maior mobilização político-partidária da atual campanha eleitoral.

A carreata iniciada no bairro Aeroporto percorreu vários bairros, com participação de vereadores que disputam reeleição e postulantes de primeiro mandato:

GIVANILDO SILVA: “CALMA, GENTE! “

PRESTE ATENÇÃO

POR GIVANILDO SILVA

PREGO BATIDO…

Calma, gente! Preste atenção!
Um candidato que tem dianteira de 10.9 a 13.9 pontos, a pouco mais de vinte dias do escrutínio, muito dificilmente, não ganhará a eleição.
A menos que haja uma hecatombe, como o processo, tecnicamente, já atingiu o platô, o que poderá acontecer, a partir de agora, são minúsculas oscilações, se distribuindo de maneira linear.
…PONTA VIRADA 
Na eleição de Mossoró, um ponto equivale a 1.759 votos.
1O.9 pontos são 19.173 votos.
13.9 pontos são 24.450 votos.

Rosalba Ciarlini comemora a transposição do ramal Apodi/Salgado que vai beneficiar Mossoró e região Oeste

Prefeita e candidata à reeleição fala sobre edital de licitação que foi lançado

Prefeita Rosalba Ciarlini reforça a importância do isolamento social e fala  sobre novo decreto - Prefeitura Municipal de Mossoró

Mossoró será beneficiada com a transposição do Rio São Francisco no ramal Apodi/Salgado. O edital de licitação foi lançado pelo ministro do Desenvolvimento Regional, Rogério Marinho, em evento na Federação das Indústrias, em Fortaleza. A candidata à reeleição, Rosalba Ciarlini, comemora a obra que vai garantir a perenização do Rio Mossoró, além do abastecimento de água e irrigação para o trecho.
“Como senadora lutei por esse trecho, como governadora também, e como cidadã, prefeita, me associo à luta que é de muitos”, informa Rosalba.

O Rio Grande do Norte será o estado com maior quantidade de cidades beneficiadas pelas águas do Rio São Francisco: são 32 municípios com população estimada de 478 mil pessoas. De acordo com informações do Governo Federal, a chegada inicia pela cidade de Major Sales, de onde as águas serão transportadas para o Rio Apodi, que banha Mossoró. “Esse projeto é fundamental para o desenvolvimento do Rio Grande do Norte e para o nosso município, garantindo água para irrigação, que vai gerar mais emprego, oportunidade, mais renda. Com o anúncio de realização dessa obra precisamos também planejar a cidade e discutir os avanços que serão proporcionados para Mossoró e região oeste. Por isso a importância desse debate na campanha eleitoral”, complementa a candidata.

A informação apresentada pelo Ministério do Desenvolvimento Regional é que o investimento para essa etapa será de R$ 1,77 bilhão, compreendendo 115,3 quilômetros de extensão.

Maia nega estender calamidade e diz que ‘ideias criativas geram desastres econômicos’

Medida é defendida por parte do Congresso

O presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), afirmou neste sábado (17) que não pretende pautar uma extensão do estado de calamidade, declarado em razão da pandemia do novo coronavírus.

O decreto que reconhece o estado de calamidade autorizou a União a não cumprir a meta fiscal prevista para este ano e a elevar gastos públicos para financiar as ações de enfrentamento à crise gerada pela pandemia.

Esse estado de calamidade tem data para acabar: 31 de dezembro de 2020, mas uma parte do Congresso vem defendendo a extensão do decreto até o início de 2021 como saída para permitir um aumento de despesas no ano que vem. Isso viabilizaria uma nova prorrogação do auxílio emergencial pago pelo governo para trabalhadores informais e a criação do Renda Cidadã, programa que substituiria o Bolsa Família.

VÍDEO: ROSALBA ANUNCIA QUE CRIARÁ PROGRAMA DE MICROCRÉDITO PARA PEQUENOS COMERCIANTES

PREFEITA FALOU SOBRE INVESTIMENTO NA ECONOMIA EM CAMINHADA NO BAIRRO PINTOS

A prefeita e candidata à reeleição, Rosalba Ciarlini (PP), anunciou que irá implantar um novo Programa de Microcrédito para Pequenos Comerciantes em seu novo mandato, a partir de 2021.

A palavra da prefeita foi durante caminhada no Bairro Pintos.

RN chega a 76.660 casos confirmados e 2.547 mortes por Covid-19

SESAP diz que atualizou casos antigos

O boletim da Secretaria do Estado de Saúde Pública (Sesap) aponta nesta sexta-feira (16) que o Rio Grande do Norte soma 76.660 casos confirmados de Covid-19 e 2.547 mortes pela doença desde o início da pandemia.

O aumento em relação ao boletim do dia anterior foi de 111 novas mortes confirmadas, sendo quatro nas últimas 24h, e outros 2.308 casos confirmados. O aumento maior nesta sexta, segundo a pasta, se dá em função de casos anteriores que foram registrados no sistema após uma intensificação para atualizar os dados.

O número de óbitos em investigação, assim, caiu de 404 para 317.

A Sesap aponta ainda que os casos suspeitos diminuíram de 43.171 para 29.863 e os descartados são 175.430. O número de confirmados recuperados se manteve em 43.148 e o de inconclusivos, tratados como “Síndrome Gripal não especificada”, subiu para 67.455.

De acordo com o boletim, 180 pessoas atualmente estão internadas por causa da Covid-19 no estado, sendo 149 na rede pública e 31 na rede privada. A taxa de ocupação dos leitos críticos (semi-intensivo e UTIs) é de 46,81% na rede pública e de 9,1% na rede privada.

O estado contabiliza ainda a realização de 253.621 testes para coronavírus, sendo 148.018 RT-PCR (conhecidos também como Swab) e 105.603 sorológicos.

Aumento dos casos

Segundo a Sesap, alguns casos são referentes a meses anteriores. A pasta explicou que a média de tempo de notificação entre a data do óbito e a data de envio das informações à Sesap, que deveria ocorrer em até 24 horas, é de 8,5 dias atualmente. A pasta diz que já chegou a receber documentos para registro de morte pelo coronavírus após 105 dias do ocorrido.

De acordo com a Sesap, os óbitos inseridos no boletim não refletem o momento atual da pandemia no Rio Grande do Norte, tendo em conta que não denotam alteração do comportamento da taxa de mortalidade do período atual.

Números do coronavírus no RN

  • 76.660 casos confirmados
  • 2.547 mortes
  • 43.148 confirmados recuperados
  • 29.863 casos suspeitos
  • 175.430 casos descartados
Testes de coronavírus — Foto: Divulgação/Geraldo Bubniak/AEN

Testes de coronavírus — Foto: Divulgação/Geraldo Bubniak/AEN

Brasil passa de 153 mil mortos por Covid, e média móvel de óbitos volta a ficar acima de 500

São 5.210570 diagnósticos de Covid-19

O consórcio de veículos de imprensa divulgou novo levantamento da situação da pandemia de coronavírus no Brasil a partir de dados das secretarias estaduais de Saúde, consolidados às 20h desta sexta-feira (16).

O país registrou 716 mortes pela Covid-19 nas últimas 24 horas, chegando ao total de 153.229 óbitos desde o começo da pandemia. Com isso, a média móvel de mortes no Brasil nos últimos 7 dias foi de 505. O dado voltou a ficar acima da marca dos 500 após três dias com números inferiores.

A variação foi de -23% em relação aos dados registrados em 14 dias, ou seja, apontando tendência de queda. É o 5º dia seguido com a curva de mortes indicando queda, após 28 dias em estabilidade.

Em casos confirmados, desde o começo da pandemia 5.201.570 brasileiros já tiveram ou têm o novo coronavírus, com 30.574 desses confirmados no último dia. A média móvel de novos casos foi de 20.626 por dia, uma variação de -23% em relação aos casos registrados em 14 dias. Ou seja, também encontra-se na faixa que aponta queda.

Vale ressaltar que, no mês passado, o período de uma semana de queda visto nas mortes pela doença coincidiu com a semana do feriado de 7 de Setembro. Depois desse período, a curva voltou a apontar estabilidade por quase um mês. Assim como nos finais de semana, em feriados prolongados é comum se ver queda nos registros devido às menores equipes de plantão. Por isso, a sensação de baixa nas mortes pode ser enganosa, após o feriado desta semana.

Apenas três estado apresenta indicativo de alta de mortes: Paraíba, Piauí e Rio Grande do Norte. Vale ressaltar que há estados em que o baixo número médio de óbitos pode levar a grandes variações percentuais. No RN, a média estava em 4 e foi para 19 no intervalo de 14 dias, o que levou a uma variação de 33%. Isso ocorreu após a inserção de 111 mortes nesta sexta no boletim do estado.

Outros 18 estados têm curvas que apontam queda. Os dados de médias móveis são, em geral, em números decimais e arredondados para facilitar a apresentação dos dados.

Brasil: 16 de outubro

  • Total de mortes: 153.229
  • Registro de mortes em 24 horas: 716
  • Média de novas mortes nos últimos 7 dias: 505 por dia (variação em 14 dias: -23%)
  • Total de casos confirmados: 5.201.570
  • Registro de casos confirmados em 24 horas: 30.574
  • Média de novos casos nos últimos 7 dias: 20.626 por dia (variação em 14 dias: -23%)

(Antes do balanço das 20h, o consórcio divulgou dois boletins parciais, às 8h, com 152.531 mortes e 5.171.461 casos; e às 13h, com 152.641 mortes e 5.176.524 casos confirmados.)