Entenda por que a compra de doses da Covaxin entrou na mira da CPI da Covid

Presidente Bolsonaro teria sido informado sobre do assunto antes de se tornar um escândalo

A CPI da Covid intensificou nesta semana a linha de investigação sobre o contrato firmado pelo governo federal para a compra da vacina indiana Covaxin.

Veja por que a aquisição desse imunizante entrou na mira da comissão:

Que vacina é essa?

A Covaxin é uma vacina feita com vírus inativado fabricada pela empresa indiana Bharat Biotech. Sua aplicação é feita em duas doses, com intervalo de 28 dias entre elas. O estudo de fase 3 ainda não foi concluído.

De acordo com dados da segunda análise provisória de testes clínicos de fase 3 divulgados em abril pela Bharat Biotech e pelo Conselho de Pesquisa Médica da Índia (ICMR), a vacina apresentou eficácia de 78% em casos sintomáticos leves e moderados. Casos graves foram reduzidos em 100%, demonstrando também redução no número de hospitalizações.

Quanto o governo pagou por dose?

De acordo com dados do Tribunal de Contas da União (TCU), a Covaxin foi a vacina mais cara negociada pelo governo federal até agora: R$ 80,70 a unidade, valor quatro vezes maior que a vacina da Fiocruz, a AstraZeneca.

O uso emergencial da Covaxin foi aprovado pela Anvisa?

Não. No início de junho, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) aprovou, com restrições, a importação excepcional de doses da Covaxin. A decisão vale apenas para 4 milhões de doses, que poderão ser utilizadas somente sob condições específicas determinadas pela agência. As doses deverão ser utilizadas dentro de condições controladas, sob responsabilidade do Ministério da Saúde.

Como foi feito o contrato?

O contrato para a compra da Covaxin foi firmado entre o Ministério da Saúde e a Precisa Medicamentos, empresa responsável pela ponte entre o governo federal e o laboratório que produz a vacina na Índia. A empresa é a única intermediária que não possui vínculo com a indústria de vacinas.

Quantas doses da Covaxin foram adquiridas pelo governo federal?

O contrato para a compra da Covaxin prevê o envio de 20 milhões de doses.

Como a vacina entrou no radar da CPI?

Os senadores querem entender por que o governo federal priorizou a vacina indiana Covaxin, com atuação direta do presidente Bolsonaro, que enviou uma carta ao primeiro-ministro da Índia em janeiro.

Um levantamento feito pelo TCU mostra que o contrato da Covaxin foi o que teve um desfecho mais rápido. Ao todo, o Ministério da Saúde levou 97 dias para fechar o acordo, enquanto o contrato com a Pfizer, por exemplo, levou 330 dias.

De acordo com o blog de Gerson Camarotti, integrantes da cúpula da CPI da Covid receberam a informação que o presidente Jair Bolsonaro foi alertado pessoalmente sobre irregularidades na compra da vacina indiana Covaxin.

Neste domingo (20), em entrevista à GloboNews, o relator da CPI da Covid, senador Renan Calheiros (MDB-AL), afirmou que são muitos os fatos atípicos sobre a compra da Covaxin que precisam ser investigados.

“Foi a única aquisição que teve um telefonema do presidente da República para o primeiro-ministro, indicando para primeiro-ministro a preferência do Brasil pela aquisição da Covaxin com todos esses problemas. E, além do mais, foram colocados na Câmara dos Deputados, naquele projeto de lei que autorizou aquisição de vacinas pela iniciativa privada, por empresários, a possibilidade de compra da Covaxin”, destacou Renan.

O que investiga o Ministério Público?

O Ministério Público Federal em Brasília investiga o contrato firmado pelo Ministério da Saúde com a Precisa Medicamentos para compra da vacina Covaxin.

RN espera receber vacinas da Janssen até quinta-feira (24), diz Sesap

Secretaria aguarda informações do Ministério da Saúde

POR G1RN

A Secretaria de Saúde do Rio Grande do Norte espera receber até a próxima quinta-feira (24) o primeiro carregamento de vacinas da Janssen contra Covid-19 e já definiu o público prioritário para o imunizante no estado.

O primeiro lote com 1,5 milhão de doses da vacina da Janssen compradas pelo Ministério da Saúde chegou nesta terça-feira (22) ao Brasil pelo Aeroporto Internacional de São Paulo, em Guarulhos.

No dia 9 de junho, a Secretaria Estadual de Saúde do Rio Grande do Norte informou que esperava receber 46,6 mil doses da vacina da Janssen. Porém, o número de doses que o Ministério da Saúde esperava naquela época era maior.

Até a publicação desta matéria, a Sesap informou que ainda não foi comunicada oficialmente sobre a quantidade de doses que serão distribuídas ao estado.

Vídeo: Vacinas da Janssen chegam ao Brasil

Sine oferece 19 vagas de emprego para Natal e Pau dos Ferros nesta terça-feira (22)

Há oportunidades para trabalhadores de vendas e noutros setores

Sine/RN oferece 19 vagas de emprego para Natal, Região Metropolitana e Pau dos Ferros nesta terça-feira, 22.  — Foto: Divulgação/ Reprodução

O Sistema Nacional do Trabalho e Emprego (Sine-RN), através da Subsecretaria do Trabalho da Sethas, oferece 19 vagas de emprego para Natal, Região Metropolitana e Pau dos Ferros nesta terça-feira (22).

Há vagas abertas para trabalhadores das áreas de vendas e manutenção de veículos e equipamentos. Também há ofertas de emprego para pessoas com algum tipo de deficiência.

Para concorrer às vagas, os candidatos devem se cadastrar via Internet através do Portal Emprega Brasil do Ministério do Trabalho e Emprego ou nos aplicativos Sine Fácil e Carteira de Trabalho Digital, disponíveis para Android e IOS.

Os telefones de agendamento estão disponíveis para informações: 3190-0783, 3190-0788, 98106-6367 e 98107-4226. O atendimento é de segunda a sexta, das 8h às 12h.

Veja as vagas

Natal e Grande Natal

  • Mecânico de manutenção de ônibus – 1
  • Mecânico de refrigeração – 4
  • Técnico em manutenção de equipamentos e instrumentos médico-hospitalares – 1
  • Torneiro mecânico – 1
  • Operador de caldeira – 1
  • Técnico de equipamentos elétricos – 1
  • Técnico em eletromecânica – 1

Vagas para pessoas com deficiência

  • Ajudante de cozinha – 8

Pau dos Ferros e Região

  • Promotor de Vendas – 1

Elefante quebra parede de casa em busca de comida na Tailândia

Fotos foram pela dona do imóvel

Elefante procura comida na cozinha de casa em Pa La-U, Hua Hin, na Tailândia. A foto foi tirada pela dona do imóvel, Radchadawan Peungprasopporn, em 20 de junho de 2021. — Foto: Radchadawan Peungprasopporn/Facebook/AFP

Um elefante quebrou a parede de uma casa em Pa La-U, na Tailândia, no domingo (20). Segundo a dona do imóvel, Radchadawan Peungprasopporn, o animal procurava por comida.

Nas imagens é possível ver que o elefante quebrou a parede da cozinha, logo acima da pia, onde há louça e o que parecem ser restos de comida.

Vídeos feitos por Puengprasoppon e publicados no Facebook mostram o elefante vasculhando armários e gavetas com sua tromba e derrubando pratos.

“Estávamos dormindo e acordamos com um som dentro de nossa cozinha”, contou Puengprasoppon à rede americana CNN. “Então corremos escada abaixo e vimos um elefante enfiar a cabeça na nossa cozinha, onde a parede estava quebrada”.

Ela afirmou que a parede da sua cozinha já tinha um buraco, porque um outro elefante se chocou contra a casa no mês passado, e o dano causado ainda não tinha sido consertado quando o segundo animal apareceu e enfiou a cabeça pelo buraco, aumentando o tamanho do estrago.

“Desde que eu era jovem, vi elefantes perambulando por nossa cidade em busca de comida. Mas esta é a primeira vez que eles realmente danificaram minha casa”, disse a tailandesa à CNN.

Elefante procura comida na cozinha de casa em Pa La-U, Hua Hin, na Tailândia. A foto foi tirada pela dona do imóvel, Radchadawan Peungprasopporn, em 20 de junho de 2021. — Foto: Radchadawan Peungprasopporn/Facebook/AFP

Elefante procura comida na cozinha de casa em Pa La-U, Hua Hin, na Tailândia. A foto foi tirada pela dona do imóvel, Radchadawan Peungprasopporn, em 20 de junho de 2021. — Foto: Radchadawan Peungprasopporn/Facebook/AFP

Pa La-U fica no distrito de Hua Hin, a cerca de 200 km da capital Bangcoc.

A Tailândia tem quase 70 milhões de habitantes e é o 20º país mais populoso do mundo, logo à frente de Reino Unido e França, que têm cerca de 67 milhões cada um, segundo o “Our World in Data”.

O país fica no sudeste asiático e faz fronteira com Mianmar, Laos, Camboja e Malásia.

Assembleia Legislativa instalará CPI da COVID-19 no RN

Gastos do Governo Fátima Bezerra serão investigados

O presidente da Assembleia Legislativa, deputado Ezequiel Ferreira (PSDB), acatou o pedido dos dez deputados da bancada de oposição para abertura da CPI (Comissão Parlamentar de Inquérito) para investigar os gastos do Governo Fátima Bezerra (PT) durante a pandemia da Covid-19.

O despacho foi dado na tarde desta sexta-feira (18) com convocação na pauta da reunião da Mesa para a próxima terça-feira, 22, para que seja definida a quantidade de membros da Comissão.

A Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) vai investigar 12 contratos deflagrados na área da saúde que somam R$ 72,23 milhões.

Bolsonaro associa tamanho da cabeça de assessor ao fato de ele ser do Nordeste

O presidente comparou a cabeça do Tenente Mozart Aragão a um “aeroporto”

O presidente Jair Bolsonarfez uma piada preconceituosa sobre a origem de um assessor nesta segunda-feira (21).

Em conversa com apoiadores em frente ao Palácio da Alvorada, Bolsonaro foi questionado sobre uma visita que faria ao Nordeste. O presidente então apontou para um de seus assessores, Tenente Mozart Aragão, e ironizou o fato de ele ser de lá.

“Você que é cabra da peste, né. Olha só o aeroporto ali (apontando para a cabeça dele).”

O presidente continuou:

“Lá é proibido cantar aquela música: ‘Encosta a cabecinha no meu ombro e chora’. Amassa.”

Mossoró vacina pessoas a partir dos 47 anos sem comorbidades

Neste domingo foram vacinadas 1.556 pessoas nessa faixa etária

O município de Mossoró iniciou neste domingo (20) a vacinação de pessoas a partir dos 47 anos sem comorbidades. No primeiro dia de vacinação do público nessa faixa etária, 1.556 doses foram aplicadas.

De acordo com o coordenador de imunização do município, Etevaldo de Lima, Mossoró segue vacinando nesta segunda-feira (21) pessoas a partir de 47 anos sem comorbidades, além dos outros grupos prioritários – trabalhadores da educação; pessoas com deficiências físicas e portadores de Síndrome de Down a partir dos 18 anos; gestantes, puérperas e lactantes; trabalhadores do transporte coletivo e rodoviário.

“Nós estamos esperando a chegada de doses. E chegando, existe sim essa perspectiva de ampliar a vacinação de faixa etária e também seguir outros grupos, como caminhoneiros, a população privada de liberdade e trabalhadores da indústria”, destacou o coordenador.

Etevaldo informou que na manhã desta segunda-feira (21), Mossoró conta com um estoque de cerca de 2 mil doses de imunizantes destinados para a 1ª dose.

As pessoas que estão contempladas na faixa etária ou nos grupos prioritários podem procurar as Unidades Básicas de Saúde, que funcionam das 7h às11h e das 13h às 17h ou o Ginásio do Sesi, que funciona das 8h às 16h.

CPI entra em fase decisiva de comprovar alianças entre agentes públicos e privados para lucrar com a pandemia, diz Randolfe

CPI entra em momento decisivo

A CPI da Covid entra nesta semana na terceira e decisiva fase de comprovar alianças formadas entre agentes públicos e privados com o objetivo de lucrar financeiramente com o combate à pandemia. A avaliação é do vice-presidente da comissão, senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP), ao comentar depoimentos previstos para esta semana e dados obtidos pela CPI.

A Comissão Parlamentar de Inquérito visa investigar ações e omissões do governo federal e eventuais desvios de verbas federais enviadas aos estados para o enfrentamento da pandemia. A CPI foi instalada no dia 27 de abril de 2021.

“A CPI inaugura nesta semana uma terceira, decisiva e última fase. Depois de confirmar a negligencia do governo em comprar vacinas e a existência de um gabinete paralelo, que atuava de forma negacionista e foi responsável pelo agravamento da pandemia, agora chegou o momento de comprovar a aliança entre agentes públicos e privados para lucrar financeiramente com o combate à pandemia”, afirmou o senador ao blog.

O vice-presidente da CPI diz que a comissão já tem indícios de que isso teria ocorrido durante o combate à pandemia tanto na defesa da hidroxicloroquina como também nas negociações de compra da vacina indiana Covaxin, a única que teve uma empresa intermediando as tratativas e com um preço mais elevado do que as demais.

“Alguns elementos já vieram à tona tanto no caso da defesa da cloroquina como da compra da Covaxin. A médica Nise Yamaguchi fez 13 viagens a Brasília, sendo que oito teriam sido pagas com dinheiro vivo. Não foi com cartão, nem transferência, foi com dinheiro vivo, um procedimento atípico, que é muito suspeito”, afirmou Randolfe Rodrigues. Nise Yamaguchi é acusada de participar do gabinete paralelo.

No caso da vacina indiana, o senador diz que o depoimento mais importante da semana será de um dos sócios da empresa de medicamentos Precisa, Francisco Maximiano, agendado para quarta-feira (23).

FAUSTÃO DEIXA A GLOBO

LEIFTER NO DOMINGO

Fim de uma era: Globo antecipa saída de Faustão; Tiago Leifert apresenta  programa até chegada de Huck

A TV Globo anunciou hoje que vai antecipar a saída de Faustão da emissora e, portanto, Tiago Leifert assumirá o comando do “Domingão” até a estreia do novo projeto de Luciano Huck.

Em nota enviada ao UOL, a emissora carioca afirma que a decisão foi tomada de comum acordo com Faustão.

O apresentador Tiago Leifert estará à frente das tardes de domingo da TV Globo, até a estreia do novo projeto em desenvolvimento com Luciano Huck.

Por razões estratégicas e internas, a Globo tomou a decisão de antecipar a saída de Fausto Silva do programa, e juntos decidiram formalizar o distrato.

Faustão já não apresentou a última edição do “Domingão”, no dia 13, porque estava internado no Hospital Albert Einstein, em São Paulo.

Ele precisou tratar uma infecção urinária e foi internado na última quinta-feira (10).

O apresentador teve alta ontem, conforme anunciou sua esposa Luciana Cardoso.

A companheira do ex-apresentador global chegou, inclusive, a declarar que Faustão

O apresentador teve alta ontem, conforme anunciou sua esposa Luciana Cardoso. A companheira do ex-apresentador global chegou, inclusive, a declarar que Faustão apresentaria a próxima edição do “Domingão”, o que não ocorrerá em razão da decisão tomada pela TV Globo. Após o anúncio, Luciana mudou a legenda da publicação.

 

RN registra 286.956 casos confirmados e 6.517 mortes por Covid

Sesap aponta 9 óbitos a mais do que no boletim anterior

RN tem 286.956 casos confirmados de Covid — Foto: Anastácia Vaz

Rio Grande do Norte contabiliza 286.956 casos confirmados de Covid desde o início da pandemia. São 6.517 mortes provocadas pela doença no estado. Outros 1.377 óbitos estão sob investigação. Os dados estão no boletim epidemiológico da Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap) desta quarta-feira (16).

Na comparação com o boletim do dia anterior, foram 9 mortes a mais registradas.

O RN tem ainda 110.128 casos suspeitos e 549.354 casos descartados de Covid. Os casos inconclusivos, tratados como “Síndrome Gripal não especificada”, seguem em 131.928.

A Sesap informa também que 830 pessoas estão internadas por causa da Covid no RN – 604 na rede pública e 226 na rede privada (apenas 8 dos 10 hospitais privados atualizaram os dados, de acordo com a Sesap). Com 362 pacientes, a taxa de ocupação dos leitos críticos (semi-intensivo e UTIs) é de 74,8% na rede pública; com 134 internados, a rede privada tem 87,5% de ocupação.

Números do coronavírus no RN

  • 286.956 casos confirmados
  • 6.517 mortes
  • 110.128 casos suspeitos
  • 549.354 casos descartados